Menu


CRAM de Hortolândia reinaugura prédio reformado, nesta sexta-feira (26/01)

Entrega de melhorias do equipamento público contará com presença da ministra das Mulheres, Aparecida Gonçalves

A Prefeitura de Hortolândia entrega, nesta sexta-feira (26/01), as reformas de melhoria do CRAM (Centro de Referência e Atendimento à Mulher), equipamento assistencial vinculado ao Departamento da Mulher, órgão da Secretaria de Governo. A solenidade de reinauguração terá início às 9h na nova sede do CRAM, localizada na Rua Alberto Gomes, 18, na região central. A cerimônia contará com a presença de autoridades públicas, entre as quais o prefeito de Hortolândia, José Nazareno Zezé Gomes, e a Ministra da Mulher, Aparecida Gonçalves, além de secretários e vereadores municipais.

Com a reinauguração do prédio, o CRAM de Hortolândia contará com um espaço mais amplo e confortável para atender mulheres vítimas de violência doméstica, já que o prédio público passa a ter uma sala de estar e repouso para as mulheres atendidas. A reforma do equipamento público também acolherá as crianças e adolescentes que acompanham as mães durante os atendimentos. O espaço recebeu uma brinquedoteca, instalação formada por mesas, cadeiras, brinquedos e materiais didáticos pedagógicos. 

A diretora do Departamento da Mulher, Josefa Teixeira, traça um retrospecto do equipamento público e projeta melhorias no atendimento ao público. “Em 2017, nós inauguramos o CRAM de Hortolândia. Na época, tínhamos três salas, que comportavam outros três serviços da Prefeitura. Ao longo dos anos, percebemos que essas três salas não eram suficientes para ofertar um atendimento humanizado de qualidade. Com esta reforma, nós pretendemos oferecer um ambiente mais acolhedor não só para as mulheres, mas também para os filhos, que serão acompanhados por pedagogos durante todo o atendimento das mães” salienta Josefa. Desde 2017, o CRAM passou por três reformas: duas com recursos do tesouro municipal e esta última com recursos do Governo Federal.

Entre as intervenções de reforma do CRAM, a Prefeitura realizou, na última semana, o nivelamento da calçada em frente ao edifício. De acordo com a Secretaria de Serviços Urbanos, o trabalho garantirá maior segurança aos pedestres e usuários da unidade. Nesta semana, equipes da Prefeitura finalizam reparos de pintura nas áreas interna e externa do prédio, além de concluir ações nas partes hidráulicas e elétricas, instalação de guarda-corpos e manutenção geral no acabamento e no estacionamento.

 

Departamento da Mulher

Vinculado à Secretaria Municipal de Governo, o Departamento da Mulher de Hortolândia  foi criado em junho de 2023. O órgão atua na promoção do sistema de garantia dos direitos fundamentais das mulheres, fortalecendo a valorização e autonomia socioeconômica do público feminino, independentemente da raça, cor, idade, deficiência, orientação sexual ou religião. Entre os serviços ofertados pelo Departamento, estão a formação profissionalizante, encaminhamento de mulheres em situação de vulnerabilidade para vagas de emprego na Administração Pública e em empresas parceiras da Prefeitura, auxílio moradia, e oferta prioritária de vagas em creches e em escolas. 

O CRAM de Hortolândia conta com uma equipe multidisciplinar formada pela diretora, assistentes sociais, psicóloga, advogadas, pedagoga, auxiliares administrativas, além de guardas municipais. O órgão realiza atendimentos de situações emergenciais e de risco de mulheres que procuram a unidade espontaneamente ou que são encaminhadas pelo CREAS (Centro de Referência Especializado de Assistência Social), pelos CRAS (Centro de Referência em Assistência Social), pelas unidades de Saúde ou socorridas pelas forças da Segurança Pública, como Polícia Militar, Guarda Municipal e Delegacia de Defesa da Mulher.

 

SERVIÇO

Reinauguração da sede do CRAM (Centro de Referência e Atendimento à Mulher)

Data: sexta-feira, 26 de janeiro

Horário: 9h

Local: Nova Sede do CRAM

Endereço: Rua Alberto Gomes, 18, no Jd. das Paineiras

Leia mais ...

Escolas de Hortolândia recebem palestras da campanha “Ativismo, Consciência e Cultura”

Encontro com alunos da rede pública expõe o tema da Consciência Negra e do Empoderamento Feminino

A Prefeitura de Hortolândia segue promovendo a campanha “Ativismo, Consciência e Cultura – As Diferenças se Encontram no Respeito” em diferentes espaços públicos da cidade. Nessa quinta-feira (09/11), alunos da E.E. (Escola Estadual) Yasuo Sasaki participaram da palestra em virtude do Mês da Consciência Negra. O encontro também abordou a temática da violência contra as mulheres. Já nesta sexta-feira (10/11), a Prefeitura promove, na EMEF (Escola Municipal do Ensino Fundamental) Prof.ª Marleciene Priscila Presta Bonfim, no Remanso Campineiro, uma palestra com 400 bolsistas do Programa ACERTE (Ação Cidadã de Requalificação, Trabalho e Educação), de iniciativa da Secretaria de Governo. As ações são promovidas pelo governo por meio do Departamento da Mulher e do Departamento de Direitos Humanos e pela Secretaria de Cultura.

O encontro realizado com os alunos da rede pública tem por objetivo ministrar uma palestra dividida em dois eixos temáticos. Primeiro, os estudantes aprendem sobre o Mês da Consciência Negra, celebrado em novembro, momento em que são sensibilizados sobre questões étnico-raciais, racismo e as manifestações de preconceito. Já na segunda metade da palestra, o diálogo é direcionado prioritariamente às adolescentes por meio da apresentação da campanha “Laço Branco”, que alude à prevenção, combate e conscientização sobre a violência contra as mulheres. Por meio da explanação da diretora do Departamento da Mulher de Hortolândia, Josefa Teixeira, as meninas são encorajadas a buscar o empoderamento feminino ao conquistar espaços nos âmbitos profissionais e políticos, lutando pela igualdade de condições e de direitos. Nessa quinta-feira, a palestra na E.E. Yasuo Sasaki sensibilizou cerca de 350 pessoas, entre alunos e educadores. Durante o encontro, os participantes puderam compartilhar experiência e vivências. 

A palestra ministrada com os alunos da escola Yasuo Sasaki contou, ainda, com uma apresentação do secretário adjunto de Cultura, Tim Mendes, que abordou a história do povo negro sob o fio condutor da música e dos diversos ritmos. A explanação dos aspectos culturais da consciência negra teve a participação do Quinteto Cultura, grupo musical promovido pela Prefeitura. Os alunos também puderam conhecer personalidades negras marcantes e importantes na história.

A diretora do Departamento da Mulher de Hortolândia, Josefa Teixeira, comenta sobre o caráter abrangente das ações. “O objetivo dessa campanha mais ampla é mostrar que todas essas pautas estão interligadas, tanto em relação ao Mês da Consciência Negra quanto ao ativismo e cultura. Quando se tem consciência daquilo que faz, a pessoa se movimenta ativamente para mudar a realidade. Culturalmente, quebramos alguns paradigmas que foram enraizados e embutidos na sociedade como algo natural. Nosso propósito é quebrar todos os paradigmas e levar as pessoas a essa sensibilidade, se colocar no lugar do outro e mudar alguns comportamentos que são reproduzidos historicamente”, afirma Josefa.

 Ao longo de 40 dias, a Prefeitura de Hortolândia organiza uma série de ações em espaços públicos com a finalidade de sensibilizar e conscientizar a população sobre a Consciência Negra e o combate à violência contra as mulheres. Por meio de palestras, rodas de conversas, atividades culturais diversas e blitz em vias públicas, a Prefeitura projeta alcançar cerca e 10 mil pessoas. As ações acontecem em virtude do Mês da Consciência Negra e do Dia Internacional dos Direitos Humanos, comemorado no dia 10 de dezembro. O conjunto de atividades organizadas pela Prefeitura ao longo do mês pode ser consultado por meio deste LINK.

Leia mais ...

Cerca de mil pessoas participam da 1ª Caminha Pela Vida

Evento organizado pela Prefeitura de Hortolândia contou com palestra de conscientização sobre o câncer de mama

A Prefeitura de Hortolândia organizou, nesse domingo (29/10), a 1ª Caminha Pela Vida, evento intersetorial em alusão à campanha “Outubro Rosa”. A caminhada teve início no cruzamento da Rua Cuba, no Jd. Santa Clara do Lago II, e se estendeu até o Observatório Ambiental Parque Escola, onde as cerca de mil pessoas presentes no evento se reuniram para participar das atividades culturais e educativas programadas pela Prefeitura. A “1 ª Caminhada Pela Vida” finaliza uma série de ações organizadas pela Administração Municipal em virtude da campanha temática que alude à prevenção e conscientização ao câncer de mama.

Vestidos de rosa e segurando balões da mesma cor, os participantes da “1ª Caminhada Pela Vida” percorreram um trajeto de quase um quilômetro. Ao longo da atividade, a mensagem de resiliência foi compartilhada por meio de um cartaz com os dizeres “A cada passo, um recomeço”.  

Segurando o cartaz durante todo o trajeto da caminhada, o prefeito de Hortolândia, José Nazareno Zezé Gomes, reforça a importância da campanha. "Cuidar bem das pessoas é o grande objetivo da nossa Administração Municipal e a Caminhada pela Vida fechou com chave de ouro as ações alusivas ao ‘Outubro Rosa’, mês de conscientização e combate ao câncer de mama. Foi bonito ver milhares de pessoas presentes, famílias inteiras participando desse momento festivo. A nossa Rede Municipal de Saúde vem realizando um grande trabalho em relação à saúde preventiva da mulher e nos últimos anos recebemos reforço com os caminhões de mamografia. Parabéns a todos e, você mulher, procure uma das nossas UBS, passe pelo médico e caso receba o encaminhamento, faça os exames. A prevenção é a nossa grande aliada contra o câncer de mama”, destacou Zezé Gomes.

Ao chegar ao ponto final da caminhada, os participantes se concentraram no Observatório Ambiental Parque Escola, no Jd. Santa Clara do Lago, onde saborearam um piquenique de frutas. O local também foi palco de diversão e entretenimento com a apresentação do Quinteto Cultura, grupo musical promovido pela Secretaria de Cultura, e com uma atividade de zumba, organizada pela Secretaria de Esporte e Lazer. Por meio de uma palestra ministrada pela médica ginecologista obstetra vinculada à Secretara Municipal de Saúde, Giseli Moreira, o público pôde aprender sobre os métodos de prevenção, prática do autoexames e cuidados necessários em relação ao câncer de mama.

Em um ato coletivo, promovido pela Secretaria de Governo com o apoio da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, o plantio de uma árvore da espécie resedá rosa simbolizou a mensagem central propagada pela campanha “Outubro Rosa”, neste ano. Além de representar a vida e a beleza do universo feminino, o plantio da árvore aludiu ao tema “Juntas Plantando a Esperança”. A ação também reafirma o compromisso da Administração Municipal com a questão ambiental ao promover a arborização dos espaços públicos, política pela qual Hortolândia recebeu, neste mês, reconhecimentos internacional e estadual. 

Organizado anualmente pela Prefeitura de Hortolândia, a campanha “Outubro Rosa” promove uma série de atividades em todas as regiões da cidade. Neste mês, a Prefeitura, por meio da Secretaria de Saúde, organizou atividades nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde). O objetivo foi promover palestras sobre o câncer de mama, estimular a práticas de exames como mamografia e papanicolau, além de apresentar métodos contraceptivos. Em todas as atividades, as mulheres foram instruídas sobre hábitos saudáveis, a importância de praticar exercícios físicos e de cultivar a autoestima por meio do amor próprio.

Leia mais ...

Prefeitura de Hortolândia realiza a 1ª “Caminhada Pela Vida”, neste domingo (29/10)

  • Publicado em Saúde

Caminhada organizada em virtude da campanha “Outubro Rosa” terá ponto de partida às 8h, no cruzamento da Rua Cuba com a Av. da Emancipação, no Jd. Santa Clara

A Prefeitura de Hortolândia organiza, neste domingo (29/10), a 1ª “Caminhada Pela Vida”. O evento é uma iniciativa intersetorial em virtude da campanha “Outubro Rosa”, que alude à conscientização e prevenção contra o câncer de mama. A largada terá início às 8h, no cruzamento formado pela Rua Cuba com a Avenida da Emancipação, próximo à Guarda Municipal. Já o ponto de chegada será no Observatório Ambiental Parque Escola, no Jd. Santa Clara do Lago. A Prefeitura convida os participantes a vestirem roupas da cor rosa durante a caminhada, como forma de engajar a campanha.

Com o tema “Juntas Plantando a Esperança”, a “1ª Caminhada Pela Vida” compõe uma série de atividades organizadas pelas Secretarias de Saúde e de Governo em alusão à campanha “Outubro Rosa”. Durante o mês temático, a Prefeitura realizou atividades em UBSs (Unidades Básicas de Saúde) espalhadas em todas as regiões da cidade. Desde exames de Papanicolau a palestras sobre a prevenção do câncer de mama, a campanha tem por objetivo conscientizar o maior número possível de mulheres sobre a importância da realização de exames periódicos e de cuidados básicos com a saúde. A “1ª Caminha pela Vida” havia sido programada para acontecer no início do mês de outubro, mas foi cancelada por conta das fortes chuvas que caíram em Hortolândia. 

 

Nesta sexta-feira (27/10), servidores públicos vestem rosa

Além da caminhada aberta ao público, a campanha “Outubro Rosa” convida os servidores públicos municipais a vestirem rosa, nesta sexta-feira (27/10). A ação interna promovida na sede do Executivo Municipal, o Paço Municipal “Palácio das Águas”, convida os servidores municipais a registrarem a ação por meio de fotos e marcar a Prefeitura nas redes sociais. A ação “Vista Rosa” também é aberta a servidores alocados em outros prédios e equipamentos públicos.

Leia mais ...

CESM orienta mulheres sobre autocuidado em atividade pelo “Outubro Rosa”

  • Publicado em Saúde

Encontro organizado pela Prefeitura de Hortolândia estimulou a prática de exercícios físicos e hábitos saudáveis

Mulheres atendidas pelo CESM (Centro Especializado da Saúde da Mulher) participaram, nesta terça-feira (17/10), de uma palestra sobre a prevenção do câncer da mama. O encontro foi promovido pela Prefeitura de Hortolândia por meio da Secretaria de Saúde. Durante a atividade, que integra o cronograma municipal em virtude da campanha “Outubro Rosa”, as mulheres ouviram orientações, aprenderam sobre a importância do autocuidado e praticaram exercícios físicos.

Com o tema “Outubro Rosa – Se cuidar é um ato de amor”, os profissionais da saúde do CESM de Hortolândia apresentaram, de forma descontraída, dicas práticas para a realização do autoexame. A palestra também contou com uma dinâmica em grupo, ministrada pela servidora da Secretaria de Esportes, Talita Castro. A partir de exercícios de mobilidade e de alongamentos típicos da coreografia Zumba, a educadora física incentivou a prática de exercícios físicos entre as pacientes. O encontro também foi uma ótima oportunidade para as mulheres receberem orientações sobre alimentação saudável, cuidados com a saúde mental, métodos de contraceptivos e formas de elevar a autoestima.

A diretora de Atenção Especializada da Secretaria de Saúde, Fátima Gomes, exalta o caráter holístico da campanha. “A campanha ‘Outubro Rosa’, dentro da perspectiva da saúde, trabalha temas como a importância do autocuidado e a incorporação de hábitos mais saudáveis, como se alimentar melhor e praticar exercícios físicos regularmente. A mudança de comportamentos para o cultivo de uma melhor qualidade de vida colabora para a prevenção do câncer de mama. Pensando nisso, é importante que as mulheres façam uso dos equipamentos públicos disponibilizados pela Prefeitura, não só os da área de saúde, mas também os serviços ofertados pelas Secretarias de Esporte, Cultura, entre outros”, complementa Fátima Gomes.

A moradora do Jd. Nova América, Rosilda Genovez, conheceu a campanha “Outubro Rosa” em uma das consultas que realiza regularmente no CESM de Hortolândia. A paciente destaca os benefícios de receber orientações dos profissionais da saúde. “Essa palestra foi muito boa, porque nos apresentou dicas de autocuidado. Como eu já tive histórico na família de câncer de mama, eu me preocupo muito em cuidar da minha saúde. Eu acho muito importante esse tipo de orientação”

A enfermeira do CESM de Hortolândia, Talita Gabriele Domingues Herculano, explica o propósito da palestra. “Esse encontro teve por objetivo orientar as mulheres sobre a prevenção do câncer de mama, destacando a importância da mamografia, dos exames anuais, como ultrassom e mamografia, das consultas médicas e do autoconhecimento. É muito importante capacitar essas mulheres para identificar o câncer e eventuais alterações no corpo já na fase inicial, para possibilitar um tratamento mais efetivo, com maiores chances de cura”, explica Talita Gabriele.

A campanha “Outubro Rosa” foi organizada pela Prefeitura de Hortolândia com a finalidade de  conscientizar mulheres de todas as regiões da cidade sobre a temática do câncer de mama. Ao longo do mês, a Secretaria de Saúde promove ações de conscientização e prevenção do câncer de mama por meio de palestras, rodas de conversas e dinâmicas de grupos sobre métodos de prevenção. A campanha também promove exames de Papanicolau e agendamento de avaliações clínicas das mamas. Neste ano, a campanha apresenta o tema “Juntas Plantando Esperança – Cada Passo, Um  Recomeço”. 

Consulte a programação completa da campanha “Outubro Rosa” nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde) clicando neste LINK.

Leia mais ...

Projeto “Gangsta e Poesias” é o convidado do “Batalhas, Rimas e Conhecimentos”, nesta terça-feira (10/10)

Evento terá início às 18h, no Teatro Elizabeth Keller de Matos

Se você gosta de hip hop, improviso de rimas e declamação de poesias, o evento “Batalhas, Rimas e Conhecimentos” será uma boa opção de entretenimento. Realizado às 18h desta terça-feira, o evento cultural promovido pela Prefeitura de Hortolândia por meio da Secretaria de Cultura promete animar o público com a presença do “Gangsta e Poesias”, grupo formado por mulheres que mescla música, encenação teatral, DJ e grafites em suas apresentações. A batalha de rimas se aberta ao público geral, desde os rimadores da região aos entusiastas da arte de compor versos. Para prestigiar o evento, interessados devem comparecer ao Teatro Elizabeth Keller de Matos, localizado na Rua Graciliano Ramos, 280, no Jd. Amanda. A entrada será gratuita, respeitando a capacidade máxima do teatro, que é de 200 pessoas.

O Projeto “Gangstar e Poesia” é um time formado apenas por mulheres, que exploram por meio da música temas como o empoderamento feminino, combate à violência contra a mulher, equidade de gêneros, superação de traumas psicológicos e a conscientização da sociedade. O estilo apresentado pelas rappers Tuca Lélis, Dona Kelly, Sharylaine, Kelly Neriah e Lauren Priscila é do RAP de mensagem Old School com timbres Boombap acústico, cuja sonoridade une batidas contundentes com ritmo marcante. 

A primeira música apresentada pelo grupo é “Não Me Pertence Mais”, que narra experiências vivenciadas por cinco mulheres, que superam traumas e conflitos sociais. Combinando letras viscerais com melodias cativantes, a música estimula a reflexão e emociona o público com um som moderno que, paradoxalmente, desperta uma sensação nostálgica. A apresentação do grupo une outras vertentes artísticas. Enquanto as rappers cantam as músicas, a DJ Zemê performa colagens musicais no toca discos. O espetáculo se consolida com a presença da violonista Ângela Maria e de duas artistas teatrais que encenam cada música. O pocket show também conta com intervenções da moda urbana e grafite, já que ao longo da apresentação a design de moda Carina Mei Mei faz grafite em uma peça de roupa (cropped), doado ao público ao final do espetáculo. O projeto tem a curadoria e direção artística da rapper e empresária Tuca Lélis. A proposta é difundir os multitalentos das mulheres da cultura Hip Hop, valorizando e desbravando o universo feminino.

A “Batalha, Rimas e Conhecimentos” desta terça-feira (10/10) promoverá duelos de MCs da região com direito a premiações. A abertura do evento ficará a cargo de Sara Black, com intervenções de Zebe. A discotecagem será de DJ Romeu e a apresentação, de Crônica Mendes.

 

Como funciona a batalha 

A batalha de rimas reúne dois participantes por vez em dois rounds. Em casa round, cada um dos rimadores tem que improvisar dois versos, somando um total de 16 versos. Em caso de empate, é disputado o terceiro round, em que cada rimador improvisa dois blocos de quatro versos. Durante o round de desempate, a organização do evento sugere um tema de alguma área do conhecimento sobre o qual os rimadores terão de improvisar. Caso o empate persista, o vencedor da batalha será definido por um jurado.

Para participar do evento, os rimadores terão de respeitar algumas regras básicas. Durante a batalha de rimas, é proibido o uso de palavrões e ofensas às comunidades étnicas e LGBTQIAPN+, às mulheres, às PcDs (Pessoas com Deficiência) ou qualquer outro tipo de insulto ou discriminação. O evento também proíbe terminantemente o uso de bebidas alcóolicas, assim como quaisquer outros entorpecentes durante as apresentações.  A classificação indicativa do evento é de 16 anos.

 

SERVIÇO

“Batalhas, Rimas e Conhecimentos”

Convidado: Projeto “Gangsta e Poesia”

Data: terça-feira, 10 de outubro

Horário: 18h

Local: Teatro Elizabeth Keller de Matos

Endereço: Rua Graciliano Ramos, 280, no Jd. Amanda

Entrada gratuita | classificação indicativa (16 anos)

Leia mais ...