Menu


Idosos de Hortolândia viajam até Holambra para ver exposição anual de flores

Visita à Expoflora, organizada pela Prefeitura, faz parte do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos da Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social

Moradores de Hortolândia, atendidos nos serviços de assistência social da Prefeitura, tiveram um dia diferente: um passeio com amigos, em meio ao colorido e ao perfume das flores. Um grupo de 170 idosos viajou, nesta sexta-feira (16/09), até Holambra, com o apoio de monitores, para ver de perto as novidades da 39ª edição da Expoflora, tradicional exposição de flores e plantas ornamentais, na região de Campinas. A viagem foi organizada pela Administração Municipal, por meio da Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social.

Participaram da “expedição” idosos inscritos em todos os serviços da Inclusão: os CRAS (Centros de Referência de Assistência Social) Jd. Amanda, Jd. Santa Clara do Lago, Jd. Primavera e Jd. Novo Ângulo, bem como os CCSs Jd. Rosolém e Jd. Brasil. Entre os participantes estava um casal que reside no Jd. Nossa Senhora de Fátima, região do Jd. Rosolém.

“É um passeio muito importante. A gente faz uma higiene mental e leva de lembrança todas essas recordações. Está de parabéns toda essa organização da Prefeitura Municipal de Hortolândia”, afirmou Pedro Rodrigues, de 67 anos.

“É um lugar maravilhoso para a gente vir passear, curtir a natureza, as flores – que eu adoro as flores!, a dança deles. Eu não deixo de vir. Todo ano, estou aqui”, comenta Júlia de Godoy Braga, de 68 anos.

De acordo com a Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social, a atividade é uma das oferecidas no SCFV(Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos) e tem o objetivo de promover lazer e cultura, o bem-estar dos participantes, momentos de descontração e interação, em ambiente externo à rotina, fortalecendo os vínculos com o serviço e entre eles. 

“A Secretaria de Inclusão Social tem um reconhecimento muito grande sobre a história de todas as pessoas, os cidadãos que hoje estão nessa Terceira Idade, ou Melhor Idade, como alguém que contribuiu muito com o desenvolvimento da cidade e do País. Neste momento, envolvê-los em ações de grupos dá a eles o devido valor no sentido de integrá-los ainda mais, inseri-los na sociedade e conhecendo algumas realidades que dá a eles aquele sentimento de gratidão pelo que eles fizeram pelo País e pela cidade. Esse passeio a Holambra, uma cidade que relembra muito os velhos tempos, é uma forma de mostrar o valor e o respeito que eles têm da nossa parte”, afirmou o secretário de Inclusão e Desenvolvimento Social, Francisco Raimundo da Silva.

Leia mais ...

Idosos da região do Rosolém participam de festa julina promovida pela Prefeitura de Hortolândia

Na manhã desta quinta-feira (28/07), prefeito Zezé Gomes esteve no evento, que buscou levar diversão e integração ao público da Terceira Idade atendido pelos serviços de assistência social

Cerca de 80 idosos, atendidos nos serviços de assistência social da Prefeitura de Hortolândia, por meio da Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social, tiveram uma manhã diferente, nesta quinta-feira (28/07), com brincadeiras e muita diversão. Eles participaram da Festa Julina do CCS Rosolém (Centro de Convivência Social), realizada no salão da Paróquia Nossa Senhora Aparecida. O evento teve entre os convidados o prefeito José Nazareno Zezé Gomes e os secretários da pasta, Francisco Raimundo da Silva (titular) e Roberta Morais Diniz (adjunta). 

“Nosso objetivo é oferecer diversão e alegria para vocês da Terceira Idade. A festa está muito gostosa e animada e queremos que vocês tenham o melhor para viverem uma vida saudável. A galera da Brincação deu um show de alegria e fez os idosos brincarem durante o evento”, comentou Zezé.

Na abertura da festa foi servido café da manhã. Depois da acolhida, começaram as brincadeiras, como a da corrida com copo e a dança da cadeira, e a tradicional quadrilha. Os participantes, que também trouxeram familiares mais jovens, gostaram da diversão. “Para mim é maravilhoso, mudou minha vida. Eu era muito fechada e hoje me sinto superbem, feliz e me divirto muito com eles”, comentou Creusa Carrasco, de 70 anos, moradora do Jd. Rosolém há 44 anos e participante do grupo dos idosos há 16 anos.

“Essas atividades desenvolvidas com os idosos nos nossos espaços influenciam diretamente na qualidade de vida dessas pessoas. Essa troca de experiências, esse espaço tão rico, culturalmente falando, é privilegiado. A Secretaria de Inclusão tem esse cuidado em preservar essa estrutura e qualificar cada vez mais, para que possamos acolher com dignidade e respeito esses idosos, valorizando as histórias que cada um traz e construindo novas histórias”, afirma o diretor do Departamento de Inclusão Social, Jesus José Ribeiro da Costa.

Segundo o Departamento de Inclusão Social, 150 idosos são atendidos neste território. Nos meses de junho e julho, a Prefeitura tem promovido festas típicas desta época do ano a fim de integrar as famílias atendidas pelo serviço de convivência e fortalecimento de vínculos e a equipe técnica de assistência social.

“A festa julina integra os cidadãos da Terceira Idade num espaço em que a gente discute e vivencia a vida, relata histórias e faz com que a história de cada um sirva de legado para as gerações que estão vindo. É um encontro importante de gerações, em que se valoriza muito aqueles que construíram e constroem história no nosso País”, afirma o secretário Francisco Raimundo.

Leia mais ...

Hortolândia realização vacinação contra a COVID-19, nesse sábado (26/03)

  • Publicado em Saúde

Imunização para crianças será na UBS Dom Bruno Gamberini; já vacinação de adultos e da 4ª dose para idosos com 80 anos ou mais será na UBS São Jorge

Aproveite o fim de semana para completar a imunização contra a COVID-19. A Prefeitura de Hortolândia realizará vacinação, neste sábado (26/03), das 8h às 15h30. A imunização para crianças de 5 a 11 anos será na UBS (Unidade Básica de Saúde) Dom Bruno Gamberini, que fica na avenida São Francisco de Assis, 46, Vila Real. Já a vacinação para adolescentes com idade a partir de 12 anos, jovens e adultos acontecerá na UBS São Jorge, localizada na rua Goiás, 1.140. Nessa unidade também será feita a vacinação de 4ª dose para idosos com  80 anos ou mais. De acordo com a Secretaria de Saúde, serão disponibilizadas 800 doses para crianças e 1.000 doses para adolescentes, jovens e adultos.  

De acordo com dados da Secretaria de Saúde, 211.625 pessoas (96% da população) já receberam a 1ª dose. Já a cobertura de 2ª dose é de 193.595 pessoas (88% da população). O número de pessoas já imunizadas com a 3ª dose é de 89.361 (40% da população). Já o número de crianças de 5 a 11 anos imunizadas com a 1ª dose é 15.920 (78%) e com a 2ª dose é 7.717 (37%). O números de pessoas faltantes da 2ª dose é de 11.986. Já os faltosos da 3ª dose são 73.465 pessoas.

ADULTOS

A Secretaria de Saúde salienta que o intervalo da 1ª para a 2ª dose para quem recebeu a Coronavac é de 28 dias. Quem recebeu a AstraZeneca, o intervalo é de 8 semanas. Já para quem foi imunizado com a Pfizer, o intervalo da 1ª para a 2ª dose é de 21 dias para adultos e de 8 semanas para adolescentes. Para quem recebeu a 1ª dose da Janssen, o intervalo para a dose de reforço é de 2 meses. Já o intervalo da 2ª para 3ª dose para todas as vacinas, com exceção da Janssen, é de 4 meses. Para os imunossuprimidos, o intervalo da 2ª para a 3ª dose é de 28 dias.

Quem for receber a 1ª dose deve apresentar Carteira de Identidade ou algum documento com foto, CPF (Cadastro de Pessoa Física) e comprovante de endereço.

Já para receber a 2ª ou a 3ª doses, é necessário levar o comprovante de vacinação, Carteira de Identidade ou algum outro documento com foto e CPF. Os adolescentes podem receber a 2ª dose desacompanhados de pai, mãe ou responsável.

CRIANÇAS

A Secretaria de Saúde salienta que o intervalo da 1ª para a 2ª dose é de 28 dias para crianças de 5 a 11 anos que receberam a Coronavac, e de 8 semanas para crianças imunizadas com a Pfizer. 

Para crianças que forem receber a 1ª dose, a Secretaria de Saúde salienta que as famílias devem fazer o cadastro das crianças no site Vacina Já (CLIQUE AQUI), do governo do Estado. O cadastro serve para deixar a vacinação mais rápida, e assim evitar filas e aglomeração. Para fazer o cadastro é necessário informar o CPF (Cadastro de Pessoa Física) da criança. Caso a criança ainda não tenha o documento, a Secretaria de Saúde orienta para que a família ou o responsável providencie a emissão do documento da criança em alguma das agências do Correios da cidade ou no site do Poupatempo (CLIQUE AQUI)

As crianças deverão ir acompanhadas de um adulto. É necessário apresentar Carteira de Identidade e CPF da criança e comprovante de endereço. Para receber a 2ª dose, a criança deve vir acompanhada de um adulto e apresentar o comprovante da vacinação da 1ª dose, CPF (Cadastro de Pessoa Física) e cartão do SUS (Sistema Único de Saúde). 

4ª DOSE PARA IDOSOS

A Prefeitura de Hortolândia reforça que inicia nessa sexta-feira (25/03) a vacinação da 4ª dose para idosos de 80 anos ou mais. A vacinação será sem agendamento, das 8h às 15h30, nas UBSs onde é feita a vacinação para adultos durante a semana (confira o quadro abaixo).

A Secretaria de Saúde salienta que poderão receber a 4ª dose idosos que já receberam a 3ª dose há quatro meses ou mais. Os idosos deverão apresentar comprovante da vacinação da 3ª dose e CPF (Cadastro de Pessoa Física). Idosos que tenham sido imunizados em outro município e que atualmente morem em Hortolândia deverão apresentar comprovante de residência.

Já os idosos que tenham problema de mobilidade, eles poderão ir à UBS com um acompanhante. Familiares, parentes e/ou responsáveis por idosos acamados, deverão entrar em contato com a UBS de referência para agendar a data da vacinação na casa do idoso.

Confira abaixo as UBSs onde será feita a vacinação da 4ª dose para idosos de 80 anos ou mais:

 

 

UBSs

Segunda-feira

UBS Figueiras:

rua Maraci Aparecida Maratarolli Campos, 66

 

UBS Orestes Ôngaro:

rua Domingos Batista Souza, 605

 

Terça-Feira

UBS Amanda I:

rua Almada Negreiros, 1.299

 

UBS Nova Europa:

rua Wanderlei Paz Soares, 301

 

 

Quarta-feira

UBS São Jorge:

rua Goiás, 1.140

 

UBS Santiago:

rua Projetada, 100

 

Quinta-feira

UBS Santa Esmeralda:

rua Turquesa, 171

 

UBS Taquara Branca:

rua Onze de Agosto, 25

 

Sexta-feira

UBS Adelaide:

rua Julio Cesar do Nascimento, 355

 

UBS Santa Clara:

rua dos Estudantes, 415

 

UBS São Bento:

rua Tom Jobim, 440

 

Leia mais ...

Vacinação da 4ª dose contra COVID-19 para idosos de 80 anos ou mais começa nessa sexta-feira (25/03)

  • Publicado em Saúde

Imunização será realizada sem agendamento nas UBSs onde é feita a vacinação para adultos durante a semana

Você tem na sua família, ou é responsável por idosos com 80 anos ou mais? Então, fique ligado! A Prefeitura de Hortolândia inicia a vacinação da 4ª dose contra a COVID-19 para esse público na sexta-feira (25/03). A medida segue determinação do governo do Estado. A vacinação será sem agendamento, das 8h às 15h30, nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde) onde é feita a vacinação para adultos durante a semana (confira o quadro abaixo).

A Secretaria de Saúde salienta que poderão receber a 4ª dose idosos que já receberam a 3ª dose há quatro meses ou mais. Os idosos deverão apresentar comprovante da vacinação da 3ª dose e CPF (Cadastro de Pessoa Física). Idosos que tenham sido imunizados em outro município e que atualmente morem em Hortolândia deverão apresentar comprovante de residência. 

Já os idosos que tenham problema de mobilidade, eles poderão ir à UBS com um acompanhante. Familiares, parentes e/ou responsáveis por idosos acamados, deverão entrar em contato com a UBS de referência para agendar a data da vacinação na casa do idoso. 

Confira abaixo as UBSs onde será feita a vacinação da 4ª dose para idosos de 80 anos ou mais:

 

 

UBSs

Segunda-feira

UBS Figueiras:

rua Maraci Aparecida Maratarolli Campos, 66

 

UBS Orestes Ôngaro:

rua Domingos Batista Souza, 605

 

Terça-Feira

UBS Amanda I:

rua Almada Negreiros, 1.299

 

UBS Nova Europa:

rua Wanderlei Paz Soares, 301

 

 

Quarta-feira

UBS São Jorge:

rua Goiás, 1.140

 

UBS Santiago:

rua Projetada, 100

 

Quinta-feira

UBS Santa Esmeralda:

rua Turquesa, 171

 

UBS Taquara Branca:

rua Onze de Agosto, 25

 

Sexta-feira

UBS Adelaide:

rua Julio Cesar do Nascimento, 355

 

UBS Santa Clara:

rua dos Estudantes, 415

 

UBS São Bento:

rua Tom Jobim, 440

 

Leia mais ...

Hortolândia inicia vacinação da 4ª dose para idosos de 80 anos ou mais, na próxima sexta-feira (25/03)

  • Publicado em Saúde

Imunização será sem agendamento nas UBSs onde é feita a vacinação contra COVID-19 para adultos    

A população idosa poderá reforçar a proteção contra a COVID-19. Hortolândia inicia a vacinação da 4ª dose para idosos de 80 anos ou mais, na próxima sexta-feira (25/03). A vacinação acontecerá conforme medida determinada pelo governo estadual. A vacinação será sem agendamento, das 8h às 15h30, nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde) onde é feita a vacinação para adultos durante a semana (confira o quadro abaixo).

A Secretaria de Saúde salienta que poderão receber a 4ª dose idosos que já receberam a 3ª dose há quatro meses ou mais. Os idosos deverão apresentar comprovante da vacinação da 3ª dose e CPF (Cadastro de Pessoa Física). Idosos que tenham sido imunizados em outro município e que atualmente morem em Hortolândia deverão apresentar comprovante de residência. 

Já os idosos que tenham problema de mobilidade, eles poderão ir à UBS com um acompanhante. Familiares, parentes e/ou responsáveis por idosos acamados, deverão entrar em contato com a UBS de referência para agendar a data da vacinação na casa do idoso. 

Confira abaixo as UBSs onde será feita a vacinação da 4ª dose para idosos de 80 anos ou mais:

 

 

UBSs

Segunda-feira

UBS Figueiras:

rua Maraci Aparecida Maratarolli Campos, 66

 

UBS Orestes Ôngaro:

rua Domingos Batista Souza, 605

 

Terça-Feira

UBS Amanda I:

rua Almada Negreiros, 1.299

 

UBS Nova Europa:

rua Wanderlei Paz Soares, 301

 

 

Quarta-feira

UBS São Jorge:

rua Goiás, 1.140

 

UBS Santiago:

rua Projetada, 100

 

Quinta-feira

UBS Santa Esmeralda:

rua Turquesa, 171

 

UBS Taquara Branca:

rua Onze de Agosto, 25

 

Sexta-feira

UBS Adelaide:

rua Julio Cesar do Nascimento, 355

 

UBS Santa Clara:

rua dos Estudantes, 415

 

UBS São Bento:

rua Tom Jobim, 440

 

Leia mais ...

Projeto da PUC de Campinas conta as memórias de idosos do Jardim Rosolém em série de podcasts, lançada nesta terça-feira (14/09)

Produção tem o apoio da Prefeitura de Hortolândia

As memórias de vidas dedicadas a cuidar do outro, de idosas e idosos moradores da Região do Jd. Rosolém, em Hortolândia, estão agora eternizadas em mensagens sonoras que as gerações futuras poderão consultar, navegando pelas ondas da rede mundial de computadores. Elas serão contadas em diversos episódios, num formato próximo ao do rádio, porém, mais moderno e flexível: o podcast, disponibilizado gratuitamente via internet. Nesta terça-feira (14/09), a equipe do Projeto de Extensão “ARTiculadas”, responsável por transformar pesquisa em produto técnico-cultural, lança o primeiro episódio da série “Sísifo e o cuidado”, que poderá ser ouvido em seis plataformas de “streaming” (veja abaixo). O projeto é desenvolvido por extensionistas da PUCCampinas (Pontifícia Universidade Católica de Campinas), em parceria com a Prefeitura de Hortolândia, por meio do CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) Novo Ângulo, órgão da Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social. 

O trailer já está disponível. Para ouvi-lo basta clicar no seguinte link: https://open.spotify.com/episode/5Oxu9lbxnsNB6s2RGQZHAh?si=7GiyqoKqSY20-koLuQm0Uw&utm_source=whatsapp&dl_branch=1. A cada semana, um novo episódio será publicado.

Após contatos travados ainda em 2019, os relatos de vida foram coletados em plena pandemia do Coronavírus, no segundo semestre de 2020, depois que os pesquisadores começaram a acompanhar as atividades socioeducativas realizadas de maneira remota com os grupos de idosos vinculados ao CCS (Centro de Convivência Social) do Jardim Rosolém. O contato foi fundamental para que fosse identificado o perfil sociocultural do grupo. 

“Tratava-se de um grupo majoritariamente formado por mulheres acima de 60 anos, migrantes estabelecidas na região desde a emancipação de Hortolândia e que haviam tido uma trajetória de vida marcada pelo trabalho do cuidado: o cuidado direto e indireto das pessoas da família e as ações voluntárias de cuidado do outro no âmbito das pastorais católicas, organizações da sociedade civil e comunidades do bairro. Em 2021, passamos a realizar a coleta dessas memórias do cuidado, por meio da aplicação da metodologia da História Oral, com vistas a produção de materiais socioeducativos que promovessem a sensibilização da sociedade para a importância do trabalho cuidado para a reprodução social, valorizando, ao mesmo tempo, as histórias de vida das mulheres idosas do CCS do Jardim Rosolém de Hortolândia e fortalecendo o Grupo da Melhor Idade do qual fazem parte. O resultado principal dessa ação tem sido o retorno positivo da própria população ouvida pela equipe de alunos voluntários de extensão, sobre o sentimento de valorização que o contato com o projeto tem trazido. Consideramos que esses relatos de alegria e satisfação de contar sua história de vida são importantes indicadores de que a valorização da pessoa idosa e de sua contribuição para a reprodução social de sua família e comunidade, são mecanismos sociais fundamentais para a garantia dos direitos humanos e sociais da pessoa idosa”, ressalta a Prof.ª Dr.ª Stela Cristina de Godoi, da Faculdade de Ciências Sociais e também extensionista da Pró-Reitoria de Extensão e Assuntos Comunitários da PUC Campinas, que está à frente do projeto.

Para a coordenadora do CRAS Novo Ângulo, ao qual o CCS Jd. Rosolém está ligado, Eliane Silva, “o objetivo é valorizar o trabalho invisível de cada um, e também identificar a importância deste trabalho na construção da nossa cidade”, comenta ela. 

“O podcast ‘Sísifo e o Cuidado’ vem de um projeto de ampla escuta dos nossos idosos do CRAS Novo Ângulo, mais especificamente do CCS Jardim Rosolém. Essa escuta é de suma importância para o desenvolvimento de tudo o que acontece dentro do equipamento CRAS, mas ela serve como valorização dos nossos munícipes, pois eles trazem a sua historicidade, a sua bagagem, pois nos ajudaram a construir a nossa cidade”, afirma o secretário de Inclusão e Desenvolvimento Social, Francisco Raimundo da Silva.

Sobre o mito de Sísifo

Na mitologa grega, Sísifo era um homem que ousou desafiar os deuses. Capturado, sofreu punição severa. Para toda eternidade, teria de empurrar uma pesada pedra da base até o topo de uma montanha; a pedra rolaria para baixo e ele teria que começar tudo novamente, a cada dia. Para o filósofo Albert Camus, que trouxe às gerações atuais importantes reflexões sobre este mito, ele enfoca um ser que, mesmo condenado a uma tarefa sem sentido, vive a vida ao máximo, lutando contra a morte. Mesmo reconhecendo a falta de sentido no que faz, Sísifo continua executando sua tarefa diária.

Confira a descrição do podcast no Spotify 

Os afazeres domésticos com a casa, o cuidado direto com as pessoas (as crianças, os idosos, os enfermos), todas essas atividades ocupam boa parte de nossas vidas e são fundamentais para o nosso bem-estar físico e emocional. Nós humanos, somos seres de cuidado, somos todos Sísifo trabalhando pela nossa reprodução biológica e social. O trabalho do cuidado é uma pedra pesada de carregar sozinha e, pior de tudo, ela é invisível, sobretudo se você for mulher. https://open.spotify.com/show/0MEmUW1M53YEAglaOWVmWb 

O podcast estará disponível nas seguintes plataformas de streaming:

Âncora: https://anchor.fm/stela-godoi

Disjuntor: https://www.breaker.audio/sisifo-e-o-cuidado

Podcast do Google: https://www.google.com/podcasts?feed=aHR0cHM6Ly9hbmNob3IuZm0vcy82OGFiMzBjMC9wb2RjYXN0L3Jzcw==

Pocket Casts: https://pca.st/mggkit3c

Radio Public:https://radiopublic.com/ssifo-e-o-cuidado-6vPNjl

SpotifY: https://open.spotify.com/show/0MEmUW1M53YEAglaOWVmWb

 

Leia mais ...