Menu


Ponte Estaiada ganha iluminação especial, em alusão ao “Junho Violeta”

Ação, iniciada nesta quinta-feira (02/06), chama atenção para o Dia Mundial de Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa, no dia 15 deste mês

 

A Ponte da Esperança, em Hortolândia, trocou o amarelo, da conscientização por mais segurança viária, pelo violeta. A mudança na iluminação aconteceu na noite desta quinta-feira (02/06) e permanecerá ao longo do mês.

Como nas campanhas anteriores, a ideia da Prefeitura é utilizar um dos principais cartões postais de Hortolândia para sensibilizar e conscientizar a população com relação a um tema relevante. Desta vez, o que está em pauta é a questão da violência contra a pessoa idosa. Criado pela ONU (Organização das Nações Unidas) e pela Rede Internacional de Prevenção à Violência à Pessoa Idosa, em 2006, o Dia Mundial de Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa acontece em 15 de junho.

Melhor Idade de Hortolândia realiza ato de conscientização

Os Centros de Convivência da Melhor Idade do Remanso Campineiro e do Jardim Amanda farão, no dia 15 de junho, Dia Mundial da Conscientização sobre a Violência Contra Pessoa Idosa, uma ação junto com a comunidade com  a distribuição de panfletos alusivos à proteção e criminalização de atos de violência contra pessoas com 60 anos ou mais. A ação conta com apoio da Secretaria de Governo, por meio do Departamento de Direitos Humanos e Políticas Públicas para as Mulheres.

“A data é um momento onde o mundo se manifesta contra os abusos e sofrimentos recebidos pelas gerações mais velhas. A conscientização é importante e denunciar esse tipo de crime é fundamental”, destacou a psicóloga e coordenadora do Centro de Convivência da Melhor Idade do Remanso Campineiro, Fernanda Fadiga.

A violência contra o idoso pode ser definida como um ato único, repetido ou a falta de ação apropriada, ocorrendo em qualquer relacionamento em que exista uma expectativa de confiança que cause dano ou sofrimento a uma pessoa idosa. “É uma questão social global que afeta a saúde e os direitos humanos de milhões de idosos em todo o mundo e que merece a atenção especial da comunidade”, avaliou Fernanda.

O abuso de idosos ocorre, geralmente, sem que haja reconhecimento ou resposta, pois, até recentemente, esse grave problema social estava oculto à vista do público e era considerado um assunto privado. “Ainda hoje, o abuso de idosos continua sendo um tabu, subestimado e ignorado pela sociedade. No entanto, há evidências que indicam que o abuso de idosos é um importante problema de saúde pública e social”, disse a coordenadora.

A Ouvidoria Nacional dos Direitos Humanos registrou 39.333 denúncias de violência contra idosos no Brasil apenas no primeiro semestre deste ano. O número corresponde a 215 casos por dia e representa mais de 26% do total de relatos recebidos pelo Disque 100, Ligue 180 e aplicativos de Direitos Humanos administrado pelo Governo Federal.

Inaugurada ponte que integra Parque Gabriel ao Jardim Novo Cambuí

A Prefeitura de Hortolândia inaugurou, na tarde desta terça-feira (30/06), a ponte que passa sobre o Lago da Fé e faz a ligação entre os bairros Parque Gabriel e Jardim Novo Cambuí. A nova ponte, que possui 170 metros de extensão, já está com trânsito liberado para motoristas até a rotatória do Jardim Santa Clara do Lago II. A obra faz parte do Viário Santa Fé, um complexo que, além da ponte e da rotatória, inclui nova rua na região atrás da Confibra. Ao todo, a Administração Municipal entrega mais de 1,5 km de ruas asfaltadas, integrando os bairros da região do Jardim Santa Fé.

"Esta obra é importante para os bairros Jardim Santa Clara do Lago I e II, Jardim Interlagos, Villagio Guiraldelli, Jardim Campos Verdes, Jardim Nova Alvorada, Parque Gabriel, Jardim Novo Cambuí e Jardim das Figueiras. Agora, temos uma interligação entre esses bairros que vai melhorar e facilitar muito a mobilidade urbana da nossa cidade", explica o secretário de Mobilidade Urbana, Atílio André Pereira.

Nova rua na região também permite integração entre regiões

Já a nova rua, localizada na região atrás da Confibra, conta com ciclovia e calçada para pedestres. Além de iluminação em LED, o acesso ao viário é realizado por meio da rotatória, localizada na entre as ruas Bolívia (Jd. Santa Clara do lago II), Edivaldo Diogo da Costa (Villagio Ghiraldelli) e Rio Tapajós (Jd. Interlagos), sentido Jd. Nova Alvorada. As intervenções são realizadas com recursos financiados pelo Banco CAF.

PIC

O complexo viário na região do Jd. Santa Fé faz parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento), implantado pela Prefeitura para estimular o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos. O programa prevê mais de 100 obras e serviços, em diversas áreas. Para estas intervenções, o município conta recursos financeiros da iniciativa privada, dos governos estadual e federal.

 

Prefeitura inaugura nova ponte que liga Jd. São Sebastião ao Jd. Interlagos

A nova ponte que liga o Jardim São Sebastião ao Jardim Interlagos foi inaugurada, na manhã desta sexta-feira (26/06), pela Prefeitura de Hortolândia. Em razão da pandemia da COVID-19, não houve evento, somente a liberação das pistas para o tráfego de veículos, que já acontece no local. De acordo com a Secretaria de Obras, a ponte possui 308 metros de extensão. No local, equipes da Administração Municipal implantaram sinalização no asfalto, placas informativas e pintura no guarda-corpo, espécie de grade nas laterais que protege os pedestres durante a travessia, além de pintura da ciclofaixa, construída sobre a ponte

"A nova ponte garante mais segurança a motoristas e pedestres, principalmente em dias de chuva. Esta é uma importante ligação entre estes dois bairros da cidade. A nova ponte permite um fluxo maior de veículos, agilizando o trajeto. Na antiga ponte, quando o volume de chuva era grande, o córrego transbordava e inundava a pista. Com esta inauguração, o problema está sanado", explica o secretário de Mobilidade Urbana, Atílio André Pereira.

Antiga ponte será demolida

Conforme explica a Secretaria de Obras, a estrutura antiga será demolida. A nova é mais alta e mais larga. Um dos principais benefícios da nova ponte é a travessia de veículos nos dias de chuva. Se o córrego que passa no local transbordar, ele não invadirá mais a pista. Além disso, a pista da antiga ponte era simples e estava quase no nível da água.

A obra faz parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento), que prevê mais de 100 intervenções e serviços que promoverão o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos. As ações do PIC são realizadas pela Prefeitura por meio de parcerias com a iniciativa privada, governos estadual e federal.