Menu


Evento “Hortolendo Nas Escolas” terá banca de troca de livros da Biblioteca Municipal na EMEIEF Zenaide Seorlin, neste domingo (15/05)

Alunos desta escola e seus familiares poderão fazer trocas de livros das 10h às 14h

Se você é familiar de algum aluno da EMEIEF (Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental) Zenaide Ferreira de Lira Seorlin e quer trocar os livros já lidos por outros que deseja ler, separe as obras que você tem na sua casa para levá-las na Banca de Troca de Livros. A Biblioteca Municipal Terezinha França de Mendonça Duarte montará a banca na escola, localizada no Remanso Campineiro, neste domingo (15/05). As trocas acontecerão das 10h às 14h. A escola fica na rua José Camilo de Camargo, 333, Remanso Campineiro. A ação faz parte do evento “Hortolendo Nas Escolas”, realizado pela Prefeitura de Hortolândia, nas 59 unidades da rede municipal de ensino. O evento integra o calendário comemorativo ao 31º aniversário de emancipação política de Hortolândia. O objetivo da banca é estimular o hábito da leitura, bem como divulgar os serviços oferecidos pela biblioteca municipal.

De acordo com o coordenador da biblioteca, Rafael Antonio da Silva, a banca disponibilizará 700 livros para as trocas. Para facilitar a participação e garantir uma troca justa e democrática, as obras serão divididas por temas/categorias, identificadas por diferentes cores, que são as seguintes: 

– Azul: literaturas brasileira, portuguesa e religiosa;

– Laranja: literatura infantil e gibis; 

– Verde: biografias, autoajuda, culinária, informática, filosofia, ciências sociais, economia, educação, pedagogia, matemática, enfermagem, administração/gestão, artes, história e graduação;

– Vermelho: literaturas estrangeira e juvenil

A equipe da biblioteca fará uma triagem dos livros trazidos. Na triagem, as pessoas receberão uma ficha por livro que dará direito a fazer a troca por outro livro da mesma categoria ou tema. Cada pessoa poderá fazer 10 trocas por vez. A troca será no esquema um por um, ou seja, um livro por outro livro.

Serão aceitos para troca livros em bom estado de conservação, literatura nacional e estrangeira (ficção, romance e poesia), literatura infantojuvenil, literatura técnica de todas as áreas de conhecimento, gibis e mangás.

O coordenador Rafael Antonio da Silva salienta que não serão aceitos para troca livros em mau estado de conservação, fotocopiados, didáticos, livretos e revistas. Também não serão aceitas doações de livros em grandes quantidades. Também não serão aceitos livros com conteúdo erótico ou pornográfico, ou que contenham nudez ou cenas de sexo na capa, e livros com grande recorrência de exemplares.

Traga seu livro para trocar no Hortolendo

Quem está a fim de renovar a biblioteca de casa, com obras de qualidade, pode aproveitar a grande feira de troca de livros que a Prefeitura de Hortolândia promoverá, neste domingo (20/10), durante o 9º Hortolendo. Esta será a atração principal da grande festa literária, realizada pela Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, no Parque Socioambiental Irmã Dorothy Stang, no Jd. Nossa Senhora de Fátima. As atividades culturais, gratuitas e abertas ao público, começam às 10h e vão até às 17h, em vários espaços do parque (veja abaixo), localizado na Rua Manoel Antônio da Silva, 462.

Participar da feira de troca de livros é bastante simples. Basta deixar um livro novo ou em bom estado numa das sete geladeiras literárias disponibilizadas no parque, pegar o tíquete de troca e se dirigir a um dos dois locais de entrega: o Ginásio Victor Savala, próximo da pista de ciclismo Hortobike; e em frente ao Centro de Treinamento em Ginástica Artística "Yasmin Geovana Santos Bonfim". Veja abaixo as regras para a troca de obras literárias.

Na programação, há diversas outras atrações para toda a família: fanfarra, apresentações musicais, contação de histórias, teatro de fantoche, tendas literárias, oficinas sobre o uso de energia solar e até mesmo o lançamento de um livro sobre a história de Hortolândia, contada por uma família de jacarés-de-papo-amarelo. 

Neste ano, o 9º Hortolendo, política pública de promoção à leitura, no município, tem como tema “Leitura em Movimento”. Como nas edições anteriores, que reuniram milhares de visitantes, a programação visa envolver toda a comunidade em ações de incentivo à leitura. A festa literária é promovida pela Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia e conta com a parceira de outras secretarias municipais, tais como, Cultura; Governo; Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Esporte e Lazer; Inclusão e Desenvolvimento Social; Saúde; Segurança e Mobilidade Urbana.

Do Creape ao Pq. Dorothy

Pela primeira vez, a festa literária acontecerá no Parque Dorothy, espaço de convivência, cercado de verde e de projetos de educação ambiental, na região do Jd. Rosolen. A mudança acontece, neste ano, porque o Parque Creape (Centro de Referência em Educação Ambiental Parque Escola), no Jd. Santa Clara do Lago, está com o setor administrativo interditado. 

No local, além da programação artístico-cultural, haverá praça de alimentação, com barracas de entidades parceiras e das Escolinhas Esportivas. Haverá também barracas com produtos artesanais do programa Economia Solidária, da Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento integrantes. A Secretaria de Saúde disponibilizará ambulância do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).

“Há nove anos, comemoramos esta grande celebração da família no parque com a leitura. A família lendo junto, lendo com os filhos, lendo para os filhos. Este é um dos momentos mais carinhosos que podemos ter em família e fica na memória das nossas crianças ao longo da vida. Nada melhor para comemorar o Dia da Criança que a família estar unida no parque e tendo a leitura como eixo central desta comemoração, com várias outras atrações: música, apresentação dos projetos desenvolvidos nas escolas, geladeiras literárias. Quem quiser participar, é só levar um livro e trocar com os disponíveis, no evento. Neste ano, as trocas de livros estão bem intensificadas. Temos livros de excelente qualidade para que a biblioteca de sua casa possa ser renovada. Venha trocar conosco e participar desta grande festa. Todas as escolas, públicas e particulares estão convidadas. Venha celebrar conosco!”, convidou a secretária de Educação, Ciência e Tecnologia, Sandra Fagundes Freire.

 

Veja abaixo que livro pode ou não ser trocado no Hortolendo 2019

São aceitos:

•Livros em bom estado de conservação

•Literatura nacional (ficção, romance, poesia)

•Literatura internacional (ficção, romance, poesia)

•Literatura técnica de todas as áreas do conhecimento

•Literatura infantojuvenil

•Gibis, mangás

Não são aceitos:

•Obras fotocopiadas

•Livros em má conservação

•Livros didáticos

•Livretos, revistas

•Doações de livros em grandes quantidades

 

Confira a programação geral

Palco Principal:

  • Abertura com a fanfarra da E.E. (Escola Estadual) Liomar Freitas pelo parque
  • Atividade musical com a participação da fanfarra da Emeb Interlagos
  • Coral de Libras com profissionais da Educação
  • Apresentação teatral – “As Aventuras do Sr. Jaca no Ribeirão Jacuba”
  • Roda de saia literária (Solange Cachimiro e Gilmar Gílson Faria)
  • Orquestra de Viola de Hortolândia
  • Apresentação dos primeiros colocados do Festival de Música (edições 2018 e 2019)
  • Contação de histórias (contador Ulisses Júnior)
  • Contação de histórias com a criança contadora Lara, do canal da Lara

Estacionamento

  • Exposição de Artes – “A Arte da Leitura” (professores de arte)

Casinha sustentável: 

  • Sarau de Narração de histórias com profissionais da Educação e realizado pelo Arte Despertar (atividade final do curso realizado)

Lateral da Casinha Sustentável (espaço cimentado ao lado dos banheiros)

  • Demonstração e conversa sobre o equipamento “Aquecedor Solar sustentável” (Gustavo Belic Cherubina, do Meio Ambiente)

Casa de sapê (ao lado da casa de bambus): 

  • Teatro de fantoche (Guarda Municipal - Projeto Bem me quer paz se quer)
  • Contação de histórias (Mobilidade Urbana)
  • Oficina com materiais recicláveis (Ricardo Zanoni, do Meio ambiente)

Espaço de convivência da pista de caminhada

  • Lançamento do livro “As aventuras do Seo Jaca no Ribeirão Jacuba”, de Carolina Montone
  • Contação de histórias com o ator Rodolfo Berini, baseada no livro “As aventuras do Seo Jaca no Ribeirão Jacuba” (espaço PIC-Programa de Incentivo ao Crescimento) 
  • Pelo parque
  • Atividades desenvolvidas pelas escolas por temática envolvendo a leitura (gêneros: cartas, texto jornalístico, cordel, música, conto...).

Ginásio Victor Savala

  • Feira de troca de livros
  • Atividades do Departamento de Ciência e Tecnologia (Supera, impressora 3D – Espaço Maker; leitura digital – QR Code pelo parque)

 

SERVIÇO:

Hortolendo 2019 – festa literária

Data: domingo (20/10)

Hora: das 10h às 17h

Local: Parque Socioambiental Irmã Dorothy Stang, no Jd. Nossa Senhora de Fátima, na Rua Manoel Antônio da Silva, 462, Jd. Nossa Senhora de Fátima

Campanha de arrecadação de livros para o Hortolendo acaba nesta quinta-feira (10/10)

A campanha de arrecadação de obras literárias, que integrarão as ações do Hortolendo 2019, está chegando ao fim. Se você quer participar desta corrente do bem, em prol do programa municipal de incentivo à leitura em Hortolândia, ainda dá tempo. A Prefeitura recebe doações de livros novos ou usados, sem restrição de título ou área (veja regras abaixo), em bom estado de conservação, até esta quinta-feira (10/10), às 17h. A campanha é realizada pelo Departamento de Educação Integral da Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia.

Há dois locais de coleta: o CFPE (Centro de Formação dos Profissionais em Educação) “Paulo Freire” e o Paço Municipal Palácio das Águas, ambos no Remanso Campineiro, na Região Central. O CFPE fica na Rua Euclides Pires de Assis, 205, e funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h, e das 13h às 17h. A sede da Prefeitura está localizada na Rua José Cláudio Alves dos Santos, 585, e abre das 8h às 17h. Em caso de dúvida, basta ligar para 3897-8400, ramal 8429.

Após triagem, as obras serão disponibilizados ao público em “geladeiras literárias”, especialmente decoradas para funcionar como porta-livros coloridos ou na feira de troca de livros que acontecerá durante a grande festa literária no Parque Irmã Dorothy, no Jd. Nossa Senhora de Fátima. Os refrigeradores ficarão em espaços públicos, como a praça defronte ao Centro de Formação e em frente ao Paço Municipal. Uma delas já funciona dentro da Casinha Sustentável do Pq. Dorothy.

Hortolendo 2019

O 9o. Hortolendo tem como tema “Leitura em Movimento” e traz uma série de ações e projetos de incentivo à leitura e à contação de histórias. A festa literária será no Parque Dorothy, no dia 20 deste mês, a partir das 10h. Anteriormente, a celebração acontecia no Parque Creape (Centro de Referência em Educação Ambiental Parque Escola), no Jd. Santa Clara do Lago, que está com o setor administrativo interditado.

 

Veja abaixo que livro pode ou não ser doado para o Hortolendo 2019

São aceitos:

•Livros em bom estado de conservação

•Literatura nacional (ficção, romance, poesia)

•Literatura internacional (ficção, romance, poesia)

•Literatura técnica de todas as áreas do conhecimento

•Literatura infantojuvenil

•Gibis, mangás

Não são aceitos:

•Obras fotocopiadas

•Livros em má conservação

•Livros didáticos

•Livretos, revistas

•Doações de livros em grandes quantidades

 

SERVIÇO:

Hortolendo 2019 – festa literária

Data: domingo (20/10)

Hora: das 10h às 17h

Local: Parque Socioambiental Irmã Dorothy Stang, no Jd. Nossa Senhora de Fátima, na Rua Manoel Antônio da Silva, 462, Jd. Nossa Senhora de Fátima

Hortolendo terá estande de troca de livros usados

Evento será no domingo (21/10), das 10h às 17h, no Creape, no Jd. Santa Clara do Lago

Você tem livros em casa que já leu? Então, traga-os para trocar no Hortolendo, a grande festa literária que a Prefeitura de Hortolândia realizará, no próximo domingo (21/10), das 10h às 17h, no Creape (Centro de Referência Ambiental Parque Escola), localizado na rua Bolívia, 290, Jardim Santa Clara do Lago. Nesta 8ª edição, o evento terá novamente o estande para troca de livros usados. A Biblioteca Municipal “Terezinha França de Mendonça Duarte”, órgão vinculado à Secretaria de Cultura, Esportes e Lazer, disponibilizará cerca de 800 títulos de gêneros diferentes para troca. O estande estará próximo ao portão de saída do Creape, localizado na rua Edivaldo Diogo da Costa.

O coordenador da Biblioteca Municipal, Rafael Antonio da Silva, explica que os livros serão divididos em quatro categorias, cada uma identificada por uma cor: vermelha (literaturas estrangeira e juvenil), azul (literaturas brasileira, portuguesa e religiosa), verde (livros sobre generalidades, autoajuda, culinária e graduação) e laranja (literatura infantil e gibis).

O público poderá levar os livros que quiser trocar no estande. Os títulos passarão por triagem prévia. As obras devem estar em bom estado de conservação, sem rasuras, rabiscos ou estarem amassados. “Não serão aceitos livros didáticos, enciclopédias ou obras reproduzidas em fotocópia. Também não serão aceitas doações de livros”, observa o coordenador Rafael Antonio da Silva. Poderão ser feitas dez trocas por vez. A troca será feita no esquema 1 por 1, ou seja, um livro por outro livro. O coordenador também solicita para que as pessoas não tragam um número grande de livros, pois o objetivo é possibilitar que todos possam fazer a troca. De acordo com Rafael Antonio da Silva, na edição do ano passado do Hortolendo, foram feitas cerca de 2.200 trocas.

DISTRIBUIÇÃO GRATUITA

Neste ano, o tema do Hortolendo é “A leitura como prática cidadã: aqui você é o autor!”. O evento terá distribuição gratuita de milhares de exemplares de livros infantis e infanto-juvenis.

Organizada pela Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, o Hortolendo contará com tendas de atividades pedagógicas e culturais, praça de alimentação e atrações musicais no palco principal. Entre as principais atrações, está o youtuber João Guilherme, que apresentará seu livro “Na Estrada” e fará um sessão de fotos com alunos pré-selecionados nas escolas da rede municipal.

Neste ano, os livros distribuídos serão das editoras Uirapuru e Outro Planeta. São 19 títulos, que atenderão aos mais variados gostos dos leitores participantes. Cada visitante da festa literária terá direito de retirar um exemplar.

O Hortolendo foi criado, em 2011, no governo do prefeito Angelo Perugini. Sua programação diversificada conquistou a população, que sempre prestigia com entusiasmo as atividades.

Festa literária da Prefeitura de Hortolândia terá banca de troca de livros

Realizada pela Biblioteca Central “Terezinha França de Mendonça Duarte”, ação possibilita que público troque livros por outros que ainda não leu ou que não tenha em seu acervo pessoal

Além de passar um domingo agradável, em meio a diversas atrações culturais gratuitas, quem for ao 6º Hortolendo poderá ampliar sua coleção de obras literárias, por meio da Banca de troca de livros. A ação é realizada pela Biblioteca Central “Terezinha França de Mendonça Duarte”, órgão da Secretaria de Cultura da Prefeitura de Hortolândia.

O 6º Hortolendo acontecerá no dia 15 de maio, em comemoração ao aniversário de 25 anos de Hortolândia, a partir das 10h, no Creape (Centro de Referência em Educação Ambiental Parque Escola), na rua Bolívia, 290, Jardim Santa Clara do Lago II. Realizado pela Prefeitura de Hortolândia, por meio da Secretaria de Educação, o evento tem como principal objetivo despertar em crianças e jovens o prazer na leitura.

“A Banca é um espaço democrático que oferece a possibilidade para o cidadão trocar títulos que eventualmente possua em casa por outro que ainda não leu, ou que não tenha em seu acervo pessoal”, explica o coordenador da Biblioteca Central, Rafael Antonio da Silva.

Poderão ser trocados livros nacionais ou estrangeiros, de vários gêneros: romance, quadrinhos, infantis, infantojuvenis, entre outros. Não serão permitidos livros didáticos. “Vale destacar ainda que os livros que serão dados ao público no Hortolendo não poderão ser trocados para que haja variedade de títulos na banca”, ressalta o coordenador. Os visitantes podem trazer quantos livros quiser e a troca será de um por um.

Triagem

Com o objetivo de que a troca seja justa, atendentes da Banca farão uma triagem dos livros que as pessoas trouxerem, prática que foi adotada com êxito na edição passada do Hortolendo. Os livros serão avaliados de acordo com dois critérios qualitativos: conteúdo e conservação, ou seja, os livros não poderão ter rasgos, rasuras, amassos ou qualquer outro tipo de dano.

Cada livro será classificado por meio das cores Amarela, Rosa e Branca. Os livros da cor Amarela são os títulos mais procurados, com melhor conteúdo e em bom estado de conservação. Os livros da cor Rosa são obras com temática mais popular, com bom conteúdo e em bom estado de conservação. Os livros da cor Branca são os disponíveis em grande quantidade, com pouco conteúdo e algum tipo de dano.

Depois de passar pela triagem, cada pessoa receberá uma ficha na cor correspondente ao livro que trouxe e foi classificado e usá-la para trocar por outro livro da mesma categoria. A Banca de troca de livros estará localizada próxima à Entrada 2 do Creape (Centro de Referência em Educação Ambiental Parque Escola), na rua Edivaldo Domingos da Costa.

Além da Banca de troca de livros, a programação do 6º Hortolendo terá ainda atividades como contação de histórias e pintura de rosto, tendas literárias, apresentações artísticas e musicais e distribuição gratuita de livros. Para que o público possa passar o dia no evento, a estrutura montada contará com praça de alimentação, equipe do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e banheiros químicos, inclusive para pessoas com deficiência.