Menu


Viveiro Municipal recebe pergolado e caminho de pedras, para embelezamento do local

O Viveiro Municipal “Antônio da Costa Santos”, localizado no bairro Adventista Campineiro, ganhou um pergolado para embelezamento do espaço. Além disso, a área recebeu a colocação de "pedrinhas" que facilitam o deslocamento de funcionários que trabalham no viveiro, além da população que utiliza os serviços do local. A ação realizada por equipes da Prefeitura de Hortolândia, por meio da Secretaria de Serviços Urbanos, tem o objetivo de dar uma repaginada no local, contribuindo com o visual do espaço público.

PLANTE UMA ÁRVORE, É DE GRAÇA

Quem busca ampliar a área verde existente em casa pode usar o serviço de doação gratuita de mudas de árvores, feito em dois espaços da cidade. Além do Viveiro Municipal “Antônio da Costa Santos”, que recebeu os serviços para embelezamento, a doação também acontece no Viveiro, que já funciona no Parque Socioambiental Novo Ângulo.

Em ambos os espaços, o atendimento é feito por agentes da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável. Além da muda de árvore a escolher, cada morador pode retirar, se desejar, um saco com cinco quilos de composto orgânico para fazer o plantio. Em cada espaço, há uma cota específica para a retirada de mudas. Nos viveiros, também é possível obter informações sobre como fazer o plantio corretamente.

No viveiro do Pq. Novo Ângulo, são doadas somente mudas para plantio em calçadas, tais como resedá, cambuci, pata-de-vaca, jacarandá-mimoso, ipê-amarelo e ipê-branco. Há também mudas de espécies frutíferas, como pitangueira e araçá. Já no Viveiro “Antônio da Costa Santos”, de acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, é possível encontrar, além destas, espécies adequadas para plantar no quintal de casa.

Se você ainda não sabe, há vários e bons motivos para ter árvores por perto. Entre eles estão o de que elas são o principal patrimônio natural de uma cidade; têm importância vital para manter o equilíbrio do meio ambiente; produzem oxigênio, gás indispensável aos seres vivos; reduzem a temperatura e oferecem sombra nos dias de calor intenso; absorvem a água da chuva, evitando a erosão do solo; e, além disso, embelezam a paisagem.

Confira abaixo endereços e horários de funcionamento de cada viveiro:

Viveiro Municipal “Antonio da Costa Santos”

Rua Stefano Dilo, 350, Loteamento Adventista Campineiro

Atendimento: das 7h30 às 11h30 h e das 13h às 16h, às quartas, quintas e sextas-feiras

Contato: (19) 3897-2926

 

Novo Viveiro - Parque Socioambiental Novo Ângulo entre as ruas Edézio Vieira de Moraes e Lorena

Atendimento: das 8h30 às 11h30, às terças e quintas-feiras

 

Contra enchentes e alagamentos, Prefeitura realiza limpeza de bocas de lobo no bairro Recanto do Sol

As ações da Prefeitura de Hortolândia para evitar enchentes e alagamentos nesta época das chuvas continuam. Nesta sexta-feira (26/02), a limpeza das bocas de lobo foi realizada no bairro Recanto do Sol. O trabalho é preventivo e contribui para melhor escoamento e fluidez da água da chuva para a rede de águas pluviais, evitando com que as tubulações sejam entupidas por materiais como garrafas pets, descartadas irregularmente. As redes entupidas causam, além de enchentes e alagamentos, infiltrações e surgimento de buracos e crateras no solo.

Além da limpeza, outras ações são realizadas, diariamente, pela Administração Municipal. Atualmente, o índice de coleta é de aproximadamente 98% de cobertura, sendo que 100% do esgoto coletado já é tratado. Também no bairro Recanto do Sol foram realizadas fiscalizações e orientações contra o descarte irregular da rede de esgoto que pode atingir rios, ribeirões, lagoas e mananciais, comprometendo o meio ambiente. O mesmo serviço também aconteceu no Jardim Minda, Jardim São Bento e Adventista Campineiro. Os serviços permanecem nos próximos dias em outras regiões da cidade. 

DESCARTE IRREGULAR É CRIME AMBIENTAL

A ação é crime ambiental sujeito a multa e pode causar enchentes, já que o material acumulado pode ser levado por enxurradas, causando o entupimento das redes de águas pluviais e esgoto, provocando infiltrações no solo e rompimentos nestas redes. De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, quem quiser ajudar na identificação de pessoas e veículos que praticam crime ambiental pode enviar fotos e textos para o aplicativo do Programa Agenda Verde. Para baixar o aplicativo, basta fazer o download gratuito nas plataformas Google Play ou App Store do smartphone. A identidade dos denunciantes é mantida em sigilo. 

 

Mais uma etapa da Operação Tapa-Buraco é realizada em dois bairros de Hortolândia

Diversas ruas e avenidas localizadas nos jardins Amanda e Adelaide receberam, nesta quinta-feira (25/02), uma nova etapa da Operação Tapa-Buraco. Equipes da Prefeitura de Hortolândia realizam a ação com objetivo de evitar acidentes, danos aos veículos e contribuir com a segurança de motoristas e pedestres. A Operação Tapa-Buraco atende todas as ruas da cidade e acontece toda semana, de acordo com o cronograma elaborado pela Secretaria de Serviços Urbanos e de acordo com as condições climáticas.

As equipes iniciam o trabalho pelo corte e limpeza do buraco, para, assim, fazer a aplicação de cascalho e a pintura de ligação sobre o local a ser aplicado o novo pavimento. Após toda essa preparação, é realizado o enchimento do buraco com a massa asfáltica aquecida e, por fim, a passagem do rolo compressor. Se a área for muito ampla, também é aplicado o rolo de pneus.

 

Área pública no Jd. Nossa Senhora Auxiliadora recebe ação de limpeza e zeladoria

A semana iniciou com mutirão de limpeza e zeladoria no Jd. Nossa Senhora Auxiliadora. Equipes da Prefeitura estiveram no bairro, na manhã desta segunda-feira (22/02). Uma área pública localizada na Rua Dez, onde era realizado descarte irregular de lixo e entulho, foi limpa pela Administração municipal, com auxílio de uma retroescavadeira para a remoção do lixo. O trabalho no local continua nos próximos dias.

"Materiais como restos de construção civil e lixo doméstico são descartados, diariamente, em espaços públicos e particulares da cidade. Continuaremos com a limpeza nas áreas prejudicadas por esta ação, pois o descarte irregular é crime ambiental. Precisamos do apoio e colaboração da população para mantermos os espaços limpos, bem cuidados e livre de animais peçonhentos que possam transmitir doenças", explica o secretário adjunto de Serviços Urbanos, Marcos Panício, o Mercadão.

O serviço de zeladoria tem o objetivo de deixar as áreas públicas mais bonitas e conservadas. De acordo com a Secretaria de Serviços Urbanos, a intensificação do trabalho em diferentes bairros da cidade, além de contribuir com a limpeza e o embelezamento, tem o objetivo de prevenir o surgimento de doenças. 

Nesta época chuvosa, o mato cresce mais rápido, por isso, é necessário a colaboração da população para não descartar lixo, entulho e resíduos irregularmente. Objetos que possam acumular água e servir de criadouro para o mosquito Aedes aegypti, transmissor de doenças como a Dengue, Chikungunya e Zika, garrafas, baldes e outros recipientes precisam ficar protegidos da água da chuva.

PODA DO MATO EM OUTRAS REGIÕES

Além da limpeza no Jardim Nossa Senhora Auxiliadora, o mutirão de poda do mato e limpeza ocorre em diferentes espaços públicos, diariamente. No final de semana, as áreas interna e externa da URE (Usina de Reciclagem de Entulhos), localizada  no Parque Perón, recebeu o serviço. Nesta segunda-feira (22/02), o trabalho foi realizado em praças no Jardim São Sebastião; Jardim Carmen Cristina e na Vila Real. Uma área verde no Jardim São Bento e outra no Parque dos Pinheiros, além de vias no Jardim Santa Esmeralda também receberam a poda do mato e a limpeza.

DESCARTE IRREGULAR É CRIME AMBIENTAL

A ação é crime ambiental sujeito a multa e pode causar enchentes, já que o material acumulado pode ser levado por enxurradas, causando o entupimento das redes de águas pluviais e esgoto, provocando infiltrações no solo e rompimentos nestas redes. Atualmente, os valores variam de R$ 340 a R$ 34.000. 

De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, quem quiser ajudar na identificação de pessoas e veículos que praticam crime ambiental pode enviar fotos e textos para o aplicativo do Programa Agenda Verde. Para baixar o aplicativo, basta fazer o download gratuito nas plataformas Google Play ou App Store do smartphone. A identidade dos denunciantes é mantida em sigilo.

 

Para evitar descarte irregular de esgoto doméstico, Prefeitura de Hortolândia realiza fiscalização no Jd. Amanda

O trabalho de manutenção do sistema de rede de esgoto em diferentes regiões da cidade segue em andamento. Para evitar o descarte irregular de dejetos domésticos no espelho d'água da lagoa do Jardim Amanda, a Prefeitura de Hortolândia realiza, no bairro, fiscalizações periódicas contra ligações irregulares na rede de esgoto. Além de evitar poluição e contribuir com o meio ambiente, a ação, que nesta semana foi realizada duas vezes, contribui para que o município atinja 100% de coleta e tratamento de esgoto. Atualmente, o índice de coleta é de aproximadamente 98% de cobertura, sendo que 100% do esgoto coletado já é tratado.

"As fiscalizações acontecem em todos os bairros, periodicamente, para evitarmos problemas ao meio ambiente. O descarte de dejetos domésticos em rios, lagos, mananciais e ribeirões é crime ambiental", explica o secretário adjunto de Serviços Urbanos, Marcos Panício, o Mercadão.

MUTIRÃO ACONTECE DESDE O INÍCIO DA SEMANA 

Além da fiscalização no Jardim Amanda, o mesmo trabalho foi realizado na Vila Real, na manhã desta quinta-feira (18/02). Desde o início da semana, as equipes da Prefeitura de Hortolândia já realizaram a desobstrução de tubulações, para evitar enchentes e infiltrações no solo na região Central e no Jardim Santa Clara do Lago. No Jardim Terras de Santo Antônio, a Administração Municipal realizou manutenção nas tampas dos poços de visitas, componente que dá acesso ao sistema das redes de esgoto. Já no Jardim São Jorge e no bairro Residencial Maria de Lourdes, foram realizados pequenos reparos para o correto funcionamento das tubulações. 

De acordo com a Secretaria de Serviços Urbanos, a ação tem o objetivo evitar rupturas e entupimentos nas tubulações, o que pode causar infiltrações e afundamento no solo, além de enchentes e alagamentos, principalmente nesta época de fortes chuvas. "A colaboração de todos é essencial para o funcionamento correto dos sistemas subterrâneos. As obstruções de rede causam erosões, enchentes e alagamentos. O descarte irregular de materiais nas ruas, como lixo e restos de construção civil, por exemplo, além de garrafas pet, latinhas e outros recicláveis, causam o entupimento das tubulação, desencadeando uma série de problemas", alerta Panício. 

DESCARTE IRREGULAR É CRIME AMBIENTAL

Segundo a Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, quem quiser ajudar na identificação de pessoas que praticam crime ambiental pode enviar fotos e textos para o aplicativo do Programa Agenda Verde, disponível para download gratuito, nas plataformas Google Play ou App Store. A identidade dos denunciantes é mantida em sigilo.

 

Operação Tapa-Buraco é realizada na região do Jd. Santa Clara do Lago

A Prefeitura de Hortolândia intensifica os trabalhos da Operação Tapa-Buraco realizada, semanalmente, em diferentes bairros da cidade. De acordo com a Secretaria de Serviços Urbanos, nesta quarta-feira (17/02), mais uma etapa do serviço foi concluída nas ruas Argentina e México, localizadas no Jardim Santa Clara do Lago II e nas vias mais movimentadas do Jardim Interlagos. A Operação Tapa-Buraco atende todas as ruas da cidade e tem o objetivo de contribuir com a segurança de motoristas e pedestres, evitando acidentes e danos em veículos, principalmente nos locais que possuem grande fluxo e alta rotatividade de caminhões e veículos pesados. 

"A ação segue um cronograma elaborado para atender toda a cidade. Retomamos nesta semana o mutirão em algumas regiões de maneira emergencial. O trabalho também é realizado de acordo com as condições climáticas, acontecendo com o solo seco para melhores resultados", explica o secretário adjunto de Serviços Urbanos, Marcos Panício, o Mercadão.

TRABALHO É REALIZADO EM DIVERSAS ETAPAS

As equipes iniciam o trabalho pelo corte e limpeza do buraco, para, assim, fazer a aplicação de cascalho e a pintura de ligação sobre o local a ser aplicado o novo pavimento. Após toda essa preparação, é realizado o enchimento do buraco com a massa asfáltica aquecida e, por fim, a passagem do rolo compressor. Se a área for muito ampla, também é aplicado o rolo de pneus.

 

Assinar este feed RSS