Menu


Prefeitura de Hortolândia lança programação especial para a Semana Nacional do Trânsito

Ações educativas para promover trânsito mais seguro começam nesta quarta-feira (22/09), Dia Mundial Sem Carro”

A Prefeitura de Hortolândia lança, nesta quarta-feira (22/09), data em que se celebra o “Dia Mundial Sem Carro”, a campanha “Trânsito Seguro Alegria de Ir e Vir”. A programação, elaborada pela Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana, inclui ações relativas à Semana Nacional de Trânsito, que se estende de 18 a 25 deste mês, mas vai além deste período. A mobilização prevê a divulgação de uma série de materiais pedagógicos, tais como uma cartilha e vídeos temáticos com o personagem “Seo Jaca”, contendo dicas e conteúdos educativos para a população. Os materiais serão divulgados pelas redes sociais da Prefeitura.

O primeiro vídeo, lançado nesta quarta-feira (22/09), é um incentivo para que as pessoas aproveitem as ciclovias e usem a bicicleta como meio de locomoção. “Seo Jaca”, o jacaré contador das histórias do Ribeirão Jacuba e de Hortolândia, é um personagem criado pela escritora e jornalista Carolina Montone e encenado pelo artista plástico Rodolfo Berini. Tornou-se figura conhecida na cidade em 2019, durante o 9º Hortolendo, festa literária promovida pela Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, no Parque Irmã Dorothy. Durante o evento, foi lançado o livro “As Aventuras de Seo Jaca no Ribeirão Jacuba”, escrito por Montone e ilustrado pelo cartunista Fábio J. Santos. 

Trânsito Seguro

Desde 2017, a Prefeitura de Hortolândia implementa um conjunto de ações que diminuíram os acidentes de trânsito no município. Entre eles estão: a implantação da fiscalização eletrônica, a partir de 2018; o levantamento estatístico e mapeamento dos bairros e pontos mais perigosos da cidade com relação ao trânsito; a ação de combate a acidentes nos pontos considerados críticos, como a Av. Santana, no Jardim Amanda; o reforço na sinalização viária em vários bairros, bem como as obras de infraestrutura realizadas em todo o município, como abertura de novas avenidas dotadas de dispositivos de segurança viária como semáforos, ciclovia e sinalização antes inexistentes.

 

Prefeitura de Hortolândia reforça sinalização de solo em frente à Secretaria de Mobilidade Urbana

Ações garantem mais segurança viária a munícipes que buscam atendimento público

Para melhor atender à população, a Prefeitura de Hortolândia reforçou a sinalização viária em frente à sede da Secretaria de Mobilidade Urbana, localizada na Rua Olegário Bueno da Silva, 100, no Remanso Campineiro. Equipes da Diretoria de Operações trabalharam no período da noite, para agilizar o serviço e evitar transtornos e interdições no trânsito durante o período de atendimento ao público.

O trabalho incluiu a repintura de linhas amarelas (duplas, contínua e seccionada 2x4), legendas de “PARE” e “OLHE”, faixas de retenção de veículos e de travessia de pedestres. Houve ainda demarcação de vagas de motos e reforço na demarcação de vagas específicas para idosos e deficientes.

“Pedimos aos motoristas que respeitem a sinalização colocada em frente à Secretaria de Mobilidade, principalmente agora que está toda reforçada, evitando parar indevidamente em vagas especiais, reservadas para deficientes e idosos”, alerta o diretor de Operações José Eduardo Vasconcellos.

O atendimento presencial na Secretaria de Mobilidade Urbana, relativo a multas, pontuação, indicação de condutores e outros serviços, é feito de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h30 e das 13h às 16h30. Dúvidas podem ser esclarecidas por meio do telefone (19) 3845-0919. Outra opção é acessar o Portal da Mobilidade Urbana, neste link: https://hortolandia.consultacidadao.com.br/.

 

Prefeitura de Hortolândia conclui serviço de sinalização de trânsito no entorno de escolas do Jd. Adelaide

Ações garantem mais segurança viária aos estudantes, com retorno das aulas presenciais

A Prefeitura de Hortolândia, com apoio das equipes da Secretaria de Mobilidade Urbana, concluiu, na sexta-feira (17/09), o serviço de reforço na sinalização de trânsito no entorno de duas escolas municipais no Jardim Adelaide, a Emef (Escola Municipal de Ensino Fundamental) Fernanda Grazielle Resende Covre e a Emeief (Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental) Jardim Adelaide. As ações, iniciadas na última quarta-feira (15/09), buscam levar mais segurança à comunidade escolar, agora com o retorno às aulas presenciais.

O trabalho da Equipe de Sinalização concentrou-se nas ruas João Gastaldi e Júlio César do Nascimento, onde foram repintadas lombadas e linhas seccionadas brancas, linha branca de aproximação, assim como legendas de "PARE", “DEVAGAR" e "ESCOLA", próximo à entrada da creche. Além disso, foi pintada legenda "ÔNIBUS" nos pontos de embarque e desembarque na Rua João Gastaldi.

No cruzamento da João Gastaldi com Benedito Macedo, houve ainda pintura de faixa de pedestres, de linha dupla amarela e legenda de “PARE”.

No início dos trabalhos, além de reforço na pintura de solo, houve também instalação de placas de “PROIBIDO ESTACIONAR/Embarque e Desembarque Escolar” e “PERMITIDO ESTACIONAR/Exclusivo Deficiente Físico”, na Rua Júlio César do Nascimento. Além disso, houve demarcação de vagas para deficiente físico e ônibus escolar, em frente à creche. Já na Rua Júlio do Nascimento, em frente ao número 336, houve pintura de lombada e linha continua branca.

 

Para proteger a comunidade escolar, Prefeitura reforça sinalização no entorno de escolas

Ações aconteceram no Jardim Adelaide e também entre o Parque Ortolândia e o Jardim Amanda

Com a volta às aulas presenciais nas escolas da rede municipal de ensino, a Prefeitura de Hortolândia atua para garantir segurança viária à comunidade escolar. Desde o início da semana, agentes da Secretaria de Mobilidade Urbana trabalham em diversos bairros, reforçando a sinalização de trânsito no entorno de escolas de Hortolândia. 

Nesta quarta-feira (15/09), no Jardim Interlagos, além de ligar o novo semáforo instalado em frente à Emeb (Escola Municipal de Educação Básica), a Secretaria de Mobilidade Urbana destacou um agente para permanecer no local, nas horas de entrada e saída, a fim de dar suporte e orientar pedestres e motoristas.

Já na região entre o Parque Ortolândia e o Jardim Amanda, próximo ao Unasp (Centro Universitário Adventista de São Paulo), a Administração Municipal começou, nesta terça-feira (14/09), a implantar colunas onde serão ligados em breve semáforos para pedestres. Os equipamentos devem entrar em funcionamento até o final desta semana, prevê a Diretoria de Operações.

“Começamos a colocar colunas na Av. Santana, em frente ao condomínio Golden Park. Foi um pedido do condomínio, por causa do Unasp, que fica lá perto. Será um semáforo para pedestres. Solicitamos desde já aos motoristas que respeitem o semáforo. Mesmo com o radar, muitos passam por lá em alta velocidade, o que é um absurdo”, afirma o diretor de Operações, José Eduardo Vasconcellos.

Ainda na quarta-feira (15/09), as equipes trabalharam na região do Jardim Adelaide, onde reforçaram a sinalização no entorno da Emef (Escola Municipal de Ensino Fundamental) Fernanda Grazielle Resende Covre. Lá, nas ruas Júlio Cesar do Nascimento, Benedito Macedo e João Gastaldi, houve pintura de linhas duplas amarelas e linhas brancas contínuas, lombadas, legendas de “PARE”, “DEVAGAR” e “ESCOLA”, bem como faixa de retenção de veículos e de pedestres. 

Na Rua Júlio César do Nascimento, bem ao lado da escola, foram afixadas placas de “PROIBIDO ESTACIONAR/Embarque e Desembarque Escolar” e “PERMITIDO ESTACIONAR/Exclusivo Deficiente Físico”. Além disso, houve demarcação de vagas para deficiente físico e ônibus escolar, em frente à Emef. Já na Rua Júlio do Nascimento, em frente ao número 336, houve pintura de lombada e linha continua branca.

Lombadas do Pq. Oreste Ôngaro 

Nesta quinta-feira (16/09), houve reforço na sinalização de trânsito no Parque Orestes Ôngaro. Lá, as equipes traçaram linhas duplas amarelas, implantaram e pintaram lombadas na rua Domingos Batista de Sousa. A medida visa levar mais segurança viária aos usuários da USF (Unidade de Saúde da Família) do bairro.

 

Alças de acesso do Corredor Metropolitano à SP-101 são entregues em Hortolândia

Nova entrada da cidade deve absorver uma demanda de aproximadamente 16 mil veículos por dia

A Prefeitura de Hortolândia, em conjunto com o Governo do Estado, inaugurou, nesta quinta-feira (16/09), as alças de acesso do Corredor Metropolitano “Vereador Biléo Soares” à rodovia Jornalista Francisco Aguirre Proença (SP-101), altura do quilômetro 5.


Participaram da solenidade o prefeito José Nazareno Zezé Gomes, a primeira dama e presidente do Fundo Social de Solidariedade Maria dos Anjos, o vice-governador do Estado de São Paulo, Rodrigo Garcia, o secretário estadual da Casa Civil Cauê Macris, os deputados estaduais Rafa Zimbaldi, Dirceu Dalben e Rogério Nogueira. Estiveram presentes, ainda, o prefeito e presidente do Conselho de Desenvolvimento da Região Metropolitana de Campinas, Gustavo Reis e os prefeitos Dário Saadi (Campinas), Cláudio José Schooder, o Leitinho (Nova Odessa) e Edivaldo Brischi (Monte Mor). Participaram ainda o secretário executivo da secretaria de estado dos Transportes Metropolitanos, Paulo Galli, o secretário de estado de Logística e Transportes, João Octaviano, e o secretário de estado de Saúde, Jean Gorinchteyn.


O prefeito Zezé Gomes, desde que assumiu a Prefeitura em abril, após o falecimento do prefeito Angelo Perugini, vinha acompanhando todas as fases de construção e destacou a importância estratégica do Corredor Metropolitano para Hortolândia. “Com a criação das alças, o Corredor Metropolitano passa a se tornar uma das mais importantes vias do município e cria uma nova rota de entrada para o município, facilitando o acesso e diminuindo distâncias. Isso beneficia todos os moradores, seja aqueles que andam de carros e, em especial, as pessoas que fazem uso de transporte público”, destacou Zezé.


Para o vice-governador, Rodrigo Garcia, o Governo do Estado de São Paulo ficou 2 anos e 9 meses, arrumando a casa para que grandes anúncios pudessem ser feitos pelo governador João Dória. “Nosso governo trabalha em três grandes frentes: saúde, proteção social e infraestrutura. O Corredor Metropolitano é um dispositivo importantíssimo para a mobilidade urbana e, graças a gestão pública, o Governo do Estado está anunciando outras importantes obras em todas as regiões. Será o maior investimento público em infraestrutura da história de São Paulo, e Hortolândia está sendo contemplado”, afirmou Garcia.


O trevo do Corredor Metropolitano com a rodovia SP-101 deve absorver uma demanda de aproximadamente 16 mil veículos por dia. Os dados fazem parte de um estudo realizado pela Prefeitura. “Segundo nossos estudos, o novo dispositivo viário receberá diariamente 8 mil veículos vindos de Campinas e outros 8 mil estarão saindo de Hortolândia. No total, teremos mais de 16 mil veículos transitando diariamente neste trecho do Corredor Metropolitano”, explicou o secretário municipal de Mobilidade Urbana, Atílio André Pereira.


O trecho final do corredor entregue hoje, com 4,4 quilômetros, tem início na Avenida José João da Silva, próximo à Ponte Estaiada, seguindo pela Avenida Antonio da Costa Santos até as alças de acesso à Rodovia SP-101. O investimento foi de R$ 52 milhões por parte da EMTU (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos).


A infraestrutura concluída inclui drenagem de águas pluviais, a adequação do muro do Complexo Penitenciário Campinas/Hortolândia e a execução de capa asfáltica sobre a Ponte Estaiada, localizada na continuação da Rua José João da Silva. Também foram construídas seis estações de embarque e desembarque ao longo do trecho.


Concluídas as obras complementares em Hortolândia, o Governo do Estado finaliza a implantação do Corredor Metropolitano. São 31,7 km de viário total interligando Campinas, Santa Bárbara D’Oeste, Americana, Nova Odessa, Sumaré, Hortolândia e Monte Mor.


Foram construídos também cinco terminais, sete estações de transferências e 23 estações de embarque e desembarque e 20 paradas nos municípios de Campinas, Hortolândia, Sumaré, Nova Odessa, Americana e Santa Bárbara D’Oeste. O investimento total para a implantação do Corredor Metropolitano foi de R$ 455,1 milhões.

Prefeitura de Hortolândia e Governo do Estado confirmam construção do viaduto Nova Europa-Bandeirantes

Licitação será realizada em 60 dias; obras devem inicia entre o final do ano e início de 2022, anunciou o Estado

A Prefeitura de Hortolândia e o Governo do Estado de São Paulo confirmaram, nesta quinta-feira (16/09), a construção do viaduto que fará a ligação do Jardim Nova Europa (Hortolândia) ao Parque Bandeirantes (Sumaré). A confirmação foi comemorada pelo prefeito José Nazareno Zezé Gomes. O chefe do executivo hortolandense destacou que a obra era sonhada há mais de 15 anos e que a importância da sua realização foi frequentemente ressaltada pelo ex-prefeito Angelo Perugini, falecido no último mês de abril, vítima de complicações da Covid-19. “Desde quando o Angelo Perugini foi prefeito pela primeira vez, em 2005, a construção do viaduto do Nova Europa era debatida. Eu mesmo fui testemunha da luta desse homem para que essa obra saísse do papel. Hoje, com a graça de Deus, esse sonho começa a se transformar em realidade. O Governo do Estado anunciou a construção e disse que, dentro dos próximos 60 dias, será realizado o processo licitatório, para que a obra possa ser iniciada entre o final do ano e início de 2022. Essa será uma obra que vai potencializar o desenvolvimento de toda a região do Nova Europa, abrindo caminhos para a chegada de novas empresas e favorecendo as indústrias que ali já estão localizadas. Estamos abrindo caminho direto para as rodovias Anhanguera e Dom Pedro I, diminuindo distâncias e favorecendo diretamente a nossa gente”, destacou o prefeito.
De acordo com o vice-governador, Rodrigo Garcia, para a construção do viaduto serão investidos cerca de R$ 37 milhões. Ele destacou que a mobilidade urbana será impactada positivamente, criando mais uma via de ligação entre cidades e aproximando Hortolândia do eixo Anhanguera-Dom Pedro I. “Hoje eu venho fazer a autorização para que o DER licite, nos próximos 60 dias, o viaduto do bairro Nova Europa. Uma obra de R$ 37 milhões e vamos fazer porque sabemos que é importante para melhorar a mobilidade da Região Metropolitana”, disse Rodrigo Garcia.
O investimento de R$ 37 milhões para a construção do futuro viaduto será viabilizado por meio da Secretaria de Logística e Transportes. A obra fará a interligação entre os municípios de Hortolândia e Sumaré, sobre a linha férrea da concessionária ALL (América Latina Logística). A transposição terá 730 metros e garantirá mais mobilidade e opção de acesso a pedestres e motoristas entre os dois municípios.