Logo
 Imprimir esta página

Em 10 meses, Hortolândia emite 98 Carteirinhas de Identificação do Autista

Em 10 meses, Hortolândia emite 98 Carteirinhas de Identificação do Autista

Documento pode ser solicitado, gratuitamente, ao Departamento de Direitos Humanos e Políticas Públicas, no HortoFácil

A Prefeitura de Hortolândia, por meio do Departamento de Direitos Humanos e Políticas Públicas para as Mulheres, órgão da Secretaria de Governo, divulgou nesta semana um balanço da emissão da CIA (Carteira de Identificação do Autista). Implantado no dia 3 de dezembro de 2020, até o momento, foram emitidas 98 declarações de pessoas com TEA (Transtorno do Espectro do Autismo).


De acordo com a responsável pelo setor dos Direitos das Pessoas com Deficiência, Cristiane Rocha, o número de carteirinhas confeccionadas ainda é pequeno diante da quantidade de autistas que vivem no município. Segundo dados do Setor de Educação Especial e Inclusiva, da Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, a rede municipal de ensino de Hortolândia conta com mais de 150 alunos com Transtornos do Espectro do Autismo.


Em Hortolândia, pais e responsáveis por pessoas com TEA podem solicitar à Prefeitura a Carteira de Identificação do Autista. O documento pode ser solicitado, gratuitamente, ao Departamento de Direitos Humanos e Políticas Públicas. Para isso, basta ir ao HortoFácil, central de serviços municipais, localizada na Rua Argolino de Moraes, 405, na Vila São Francisco, às terças e quintas-feiras, das 8h30 às 12h.

COMO SOLICITAR

O formulário de solicitação da CIA está disponível no Departamento de Direitos Humanos e no site da Prefeitura (www.hortolandia.sp.gov.br). Podem solicitar a carteirinha o próprio titular, seu procurador ou responsável legal, mediante apresentação da documentação pessoal ou Protocolo. O documento será entregue em até 15 dias úteis.

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS

• Formulário de requerimento da CIA (Carteira de Identificação do Autista)
• Atestado Médico emitido por especialista em psiquiatria ou neurologia, acompanhado de relatório médico, com indicação do código da Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados à Saúde (CID), confirmando o diagnóstico;
• Certidão de Nascimento;
• Carteira de Identidade RG (do usuário, bem como dos pais ou representante legal);
• CPF (do usuário, bem como dos pais ou representante legal);
• Comprovante de endereço (cópia), sendo necessário residir em Hortolândia;
• 02 Fotos 3x4;
• A pessoa estrangeira portadora de Transtorno do Espectro Autista - TEA, naturalizada e domiciliada no Brasil, deve identificar-se mediante apresentação do título declaratório de nacionalidade brasileira ou passaporte.

Município de Hortolândia © Todos os direitos reservados