Menu


Prefeitura de Hortolândia cria "Projeto Vencemos" para oferecer prática esportiva para pessoas debilitadas após a COVID-19

Apresentação do projeto será na segunda-feira (27/09), às 9h, no Centro Poliesportivo Nelson Cancian

A Prefeitura de Hortolândia continua o acolhimento para a população que contraiu e venceu o Coronavírus. A fim minimizar o impacto que a doença trouxe para a vida dos hortolandenses acometidos pela COVID-19, a Administração Municipal, por meio da Secretaria de Esportes, dará continuidade às atividades necessárias para que as pessoas que ficaram debilitadas após vencer o vírus recuperem a saúde, através da prática esportiva.

De acordo com a Secretaria de Esportes, a ideia do "Projeto Vencemos", que será apresentado para a população nesta segunda-feira (27/09), às 9h, no Complexo Poliesportivo Nelson Cancian, é oferecer atividades esportivas, desenvolvidas por profissionais de educação física do projeto Escolinhas Esportivas da Prefeitura, específicas e com acompanhamento caso a caso. Este público será encaminhado pela equipe de fisioterapeutas do município, numa parceria com a Secretaria de Saúde.

"Quando um paciente se recupera do Coronavírus e tem necessidade de acompanhamento, o primeiro acolhimento é feito pelo Centro de Reabilitação Física. O fisioterapeuta avalia a necessidade desta pessoa começar a praticar atividades físicas específicas para se recuperar totalmente da doença, além da fisioterapia, e encaminha o paciente ao Projeto Vencemos. No projeto, serão oferecidas atividades aeróbicas, alongamento e exercícios de força para a recuperação muscular", explica o secretário de Esportes, Wilson Amaral.

O Complexo Poliesportivo Nelson Cancian fica localizado na rua João Barreto da Silva, 505, no Jardim Nova Hortolândia. Dúvidas podem ser esclarecidas, por meio do telefone (19) 39651400, no ramal 7409.

 

Centro de Reabilitação oferece fisioterapia para pacientes recuperados da COVID-19

  • Publicado em Saúde

A COVID-19 tem deixado sequelas diversas em pacientes que se curaram. Para ajudá-los em sua recuperação, a Prefeitura de Hortolândia oferece o serviço de fisioterapia no Centro de Reabilitação Física “Monica Cristina Blanco”. A unidade está localizada na rua Benedito Manduco de Souza, s/nº, Jardim das Paineiras (atrás do Open Shopping). O serviço é realizado mediante agendamento prévio, que pode ser feito pelo telefone (19) 3865-1928 ou diretamente na unidade, que funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. 

De acordo com a diretora de atenção especializada da Secretaria de Saúde, Fátima Gomes, o paciente precisa apresentar exame ou relatório médico para comprovar que teve a doença. Inicialmente, é feita uma avaliação do caso do paciente. Até o momento, de acordo com a diretora, o centro já atendeu 195 pacientes, destes 90 já receberam alta.

Dentre as principais sequelas apresentadas por pacientes recuperados da COVID-19, a diretora aponta dificuldade de respirar e fraqueza muscular. “Temos percebido que pacientes que ficaram internados por um longo período em UTI (Unidade de Terapia Intensiva) também apresentam perda de coordenação motora. Por meio da fisioterapia, eles reaprendem a andar, entre outras atividades”, explica Fátima. 

A duração do tratamento varia de caso para caso, mas de acordo com a diretora, são necessárias, no mínimo, entre 10 a 15 sessões. “A fisioterapia é um tratamento importante para reabilitar o paciente a retomar suas atividades diárias”, salienta Fátima. A diretora ainda ressalta que o tratamento é feito somente com dia e horário previamente agendados para evitar aglomeração e uso obrigatório de máscara por parte dos funcionários do centro e dos pacientes. 

A Secretaria de Saúde ainda alerta a população para tomar cuidado com impostores que se passam por fisioterapeutas da Prefeitura, supostamente com o objetivo de fazer trabalho de reabilitação nas casas de possíveis pacientes curados de COVID-19. Para isso, eles solicitariam acesso ao interior dos imóveis. A Secretaria de Saúde informa que não faz pesquisa porta a porta de pacientes curados do Coronavírus e reforça a informação que o serviço de fisioterapia no Centro de Reabilitação Física “Monica Cristina Blanco” é realizado somente com agendamento prévio.

CENTRO DE REABILITAÇÃO 

O Centro de Reabilitação Física “Monica Cristina Blanco” foi inaugurado pela Prefeitura de Hortolândia em dezembro de 2017. A unidade conta com amplo espaço físico, acessível a pessoas com mobilidade reduzida, além de completa estrutura para atendimento dos pacientes que precisam de reabilitação física. 

Os pacientes são atendidos em salas individualizadas, garantindo maior privacidade durante o tratamento. Ao todo, são 10 box equipados com macas. A unidade dispõe ainda de uma sala especialmente preparada para atendimento de pessoas em tratamento neurológico, como vítimas de AVC (Acidente Vascular Cerebral).

Prefeitura de Hortolândia alerta população contra golpe de falsos fisioterapeutas

  • Publicado em Saúde

A Prefeitura de Hortolândia alerta a população para tomar cuidado com criminosos que têm praticado golpe na cidade. De acordo com a Secretaria de Saúde, impostores se passam por fisioterapeutas da Prefeitura, supostamente com o objetivo de fazer trabalho de reabilitação nas casas de possíveis pacientes curados de COVID-19. Para isso, eles estariam solicitando acesso ao interior dos imóveis. A Secretaria de Saúde informa que não faz pesquisa porta a porta de pacientes curados do Coronavírus.

Já a equipe de fisioterapeutas da Prefeitura realizam atendimento domiciliar apenas nas casas de pacientes previamente cadastrados no PADO (Programa de Atendimento Domiciliar). A Prefeitura também oferece serviço de fisioterapia para pacientes que se recuperaram de COVID-19 (foto) no Centro de Reabilitação Física “Mônica Cristina Blanco”, localizado na rua Benedito Manduca de Sousa, 106, Jardim das Paineiras, atrás do Open Shopping. A unidade continua a realizar atendimento, somente mediante agendamento, de acordo com os protocolos sanitários para evitar aglomeração.

Para mais informações ou dúvidas, a população deve entrar em contato com a Secretaria de Saúde, pelo telefone 3965-1400 ramal 8666. Denúncias sobre os criminosos podem ser feitas à Guarda Municipal, órgão da Secretaria de Segurança, pelos números 153 ou 0-800-111-580, ou à Polícia Militar, pelo número 190.