Menu


Grupo Sopro de Prata é a atração da programação musical de lives, nesta quarta-feira (30/06)

Que tal um pouco de música para animar a semana? A dica é conferir o grupo Sopro de Prata, que é a atração da programação de lives dos conjuntos do CEMMH (Centro de Educação Musical Municipal de Hortolândia), promovida pela Prefeitura de Hortolândia. A apresentação online será exibida ao vivo, nesta quarta-feira (30/06), às 20h, na página do Facebook do centro (CLIQUE AQUI)

Formado por flautas, o Sopro de Prata apresentará um repertório eclético, com temas de filmes conhecidos, como “Moana – Um Mar de Aventuras” e sucessos da música pop internacional. Confira abaixo o programa da live do grupo:

– “Flute March”, de D.J. Smith

– “Fascinação (Fascination)”, de Bill Hansen e F.D. Marchetti

adaptação: Mayara Filier   

– “See You Again”, de Wiz Khalifa 

arranjo: Diogo Jeenges

–  “How Far I’ll Go” (música da trilha sonora do filme “Moana – Um Mar de Aventuras), de Lin-Manuel Miranda

– “Under The Sea” (música da trilha sonora do filme “A Pequena Sereia), de Alan Menken

arranjo: Kate Agioritis

– “Firework”, de Katy Perry

arranjo: Kim Small Wook

– “La Bamba”, de Richie Valens

Banda Municipal de Hortolândia faz live musical, nesta terça-feira (22/06)

Você está com saudade de ver a Banda Municipal de Hortolândia? Então, fique ligado que o grupo é a atração da programação de lives do CEMMH (Centro de Educação Musical Municipal de Hortolândia), realizada pela Prefeitura. A Banda Municipal fará a apresentação online, nesta terça-feira (22/06). O público poderá conferir a live, às 20h, na página do Facebook do CEMMH (CLIQUE AQUI).

Na live, que será transmitida da sala Maestro Eleazar de Carvalho, no próprio centro, a Banda Municipal apresentará um concerto especial, intitulado “Solistas Pratas da Casa”. De acordo com o coordenador do CEMMH, maestro Marcio Beltrami, o concerto será temático, com solos dos músicos integrantes da banda. 

Confira abaixo o programa da live da Banda Municipal desta terça-feira:

– “Dever do Mestre” (dobrado), de Ceciliano de Carvalho

– “Morceau Symphonique for Trombone”, de Alexandre Guilmant

solista: Douglas Wagner Vieira (trombone)

– “Saxophonia”, de Stephen Bulla

Solistas: Marco Aurélio Filier Junior (saxofone alto), Joyceè Tayná Carvalho Viana (saxofone alto), Sinval Gomes de Medeiros (saxofone tenor), Rafael da Silva (saxofone barítono)

– “Bachianas Nº 5” (Cantilena), de Heitor Villa Lobos

Arranjo: A. C. N. Campos

Solista: Mirella Gomes Moreira (fagote)

– “O Rei do Baião”, de Hudson Nogueira

Solistas: Priscila Pereira de Andrade Filier (zabumba) e Adriana Laranjeira (zabumba)

– “Bossa Nova Em Velha Banda” (choro para 2 clarinetas, solo de José Barbosa de Brito)

Solistas: Rodrigo da Luz Pironelli (clarineta) e Reinaldo Willams Silva dos Anjos (clarineta)

– “Trumpercussion”, de Frank D. Cofield

Solistas: Oseias de Souza Januário (trompete), Rafael Medes Gomes (trompete), Gabriel Luis da Conceição (trompete) e Gabriel da Silva Castro (trompete)

Grupo Da Campana Pra Fora faz live nesta quarta-feira (16/06)

Para os apreciadores de música, a dica é conferir a programação de lives que a Prefeitura de Hortolândia realiza com os grupos do CEMMH (Centro de Educação Musical Municipal de Hortolândia). Desta vez, a atração é o grupo Da Campana Pra Fora. A live será transmitida nesta quarta-feira (16/06), às 20h, na página do Facebook do CEMMH.

O grupo Da Campana Pra Fora é formado por instrumentos da família dos metais, tais como trompete, trompa, trombone de vara, bombardino e tuba. Na live desta quarta-feira, o grupo apresentará um repertório eclético, com música latina e sucessos de artistas do pop/rock brasileiro e americano. 

Confira abaixo o programa da live do grupo Da Campana Pra Fora:

– “Dobrado Cisne Branco” (António Manuél do Espirito Santo) 

– “As Vezes Si As Vezes No” (Julio Iglesias)

– “Vento Ventania” (Biquíni Cavadão)

– “O Beco” (Os Paralamas do Sucesso)

– “My Girl” (The Temptations)

– “Saideira” (Skank)

Projetos online abordam empoderamento das mulheres negras e patrimônio cultural da cidade

A cultura é importante para fazer as pessoas pensarem sobre temas atuais da sociedade. Este é o mote de dois projetos online que têm apoio da Prefeitura de Hortolândia e que foram contemplados com recursos da lei federal Aldir Blanc. Os dois projetos serão exibidos no canal do YouTube da Secretaria de Cultura. A lei federal Aldir Blanc oferece subsídio para projetos de artistas, grupos, empresas e profissionais dos setores artístico-culturais do município cujas atividades foram afetadas pela pandemia do Coronavírus. 

Um dos projetos é a live “Tem preta na roda”, realizada pela associação Ponto de Cultura Caminhos. A live será transmitida nesta quinta-feira (10/06), às 19h. A atividade contará com as participações da coordenadora da associação, Mãe Eleonora, e da historiadora Taina Silva Santos. A partir do legado ancestral que a cultura negra deixou na cultura popular brasileira, a live abordará a atuação das mulheres negras como perpetuadoras das tradições negras até hoje no Brasil e que devem ser empoderadas. “Um exemplo disso é o ofício das baianas de acarajé, que deram início à comercialização dos quitutes nas ruas em seus tabuleiros. As chamadas ‘ganhadeiras’, ou empreendedoras, são a base de sobrevivência de muitas famílias brasileiras”, explica Mãe Eleonora.  

PODCAST

Já o outro projeto é o podcast “Patrimônio em debate”, composto de oito episódios semanais. O episódio de estreia será exibido nesta sexta-feira (11/06), às 20h. O projeto é da historiadora e pedagoga Julia Rany Campos Uzun.

De acordo com a pedagoga, a proposta é explicar para o público o que é patrimônio e quais são seus diferentes tipos, como patrimônio material, imaterial, natural, artístico, dentre outros. Também será abordada a origem do conceito de patrimônio na Roma antiga e sua evolução até hoje. 

Para mostrar de forma prática os diferentes tipos de patrimônio, a historiadora usará como exemplo os existentes em Hortolândia, dentre os quais a antiga Estação Jacuba, que foi restaurada pela Prefeitura e hoje abriga o Centro de Memória “Professor Leovigildo Duarte Junior” (foto), a Ponte da Esperança (Ponte Estaiada), a cultura caipira, que é representada pelos violeiros da cidade e pela Orquestra de Viola Caipira (grupo que conta com apoio da Prefeitura), e pela tradição da Folia de Reis, que segue viva na cidade por meio da Companhia dos Santos Reis Rosa dos Anjos. “O objetivo do podcast é falar sobre a importância do patrimônio e trazer este conceito mais perto das pessoas, mostrando aqueles existentes na cidade. A ideia é fazer com que a população valorize estas referências. De repente, as pessoas podem moram ao lado de um patrimônio e não sabem disso”, ressalta Julia.

Grupo Vibrasax realiza live musical nesta quarta-feira (09/06)

Para desanuviar o clima de baixo astral da pandemia, a Prefeitura de Hortolândia realiza uma programação de lives dos grupos do CEMMH (Centro de Educação Musical Municipal de Hortolândia), órgão da Secretaria de Cultura. Nesta quarta-feira (09/06), a atração é o grupo Vibrasax. A live será às 20h na página do Facebook do CEMMH.

O Vibrasax, formado somente por saxofones, apresentará um repertório com músicas conhecidas de artistas brasileiros e internacionais dos estilos MPB, pop e rock (confira abaixo o repertório). 

O coordenador do CEMMH, maestro Marcio Beltrami, ressalta que o órgão e os grupos tiveram que adaptar as apresentações para o formato online em virtude da pandemia. “Com essa mudança de formato, embora muito mais trabalhosa, houve aumento de alcance das nossas atividades. Até o momento, tivemos aproximadamente 300.000 visualizações pelas pessoas. Com isso, aumenta cada vez mais nossa responsabilidade para manter o nível de trabalho, com a preocupação de pensar no que as pessoas querem e precisam ver e ouvir”, salienta Beltrami.

O maestro destaca que realizar uma live é uma atividade desafiadora por ser em tempo real. “Uma live demanda maior preocupação e responsabilidade de cada músico. Assim, cada live torna-se um desafio. É isso o que os músicos sempre buscam para crescimento musical, bem-estar e realização profissional”, destaca Beltrami. 

Confira abaixo o programa da live do grupo Vibrasax:

– Medley com músicas de Phil Collins 

– “I’m Yours” (Jason Mraz)

– “O Segundo Sol” (Cássia Eller)

– “Locked Out Of Heaven” (Bruno Mars)

– “La Bamba” (Richie Valens)

–  “Somewhere Over The Rainbow” (música da trilha sonora do filme “O Mágico de Oz”) (Harold Arlen) 

– “Take On Me” (A-Ha) 

– “Que Nem Maré” (Jorge Vercilo)

Live aborda temas relacionados à comunidade negra neste sábado (05/06)

Para estimular a discussão sobre temas atuais relacionados à comunidade negra, a associação Ponto de Cultura Caminhos promove uma live neste sábado (05/06). A transmissão será às 16h no canal do YouTube da Secretaria de Cultura. O evento é um dos contemplados com recursos da lei federal Aldir Blanc, que oferece subsídio para artistas, grupos, empresas e profissionais dos setores artístico-culturais do município cujas atividades foram afetadas pela pandemia do Coronavírus.     

A live busca promover a reflexão de temas importantes para a comunidade negra tais como direitos humanos, cidadania, violência, racismo e cultura, entre outros. O evento contará ainda com a participação de dois convidados, o músico e integrante do Ponto de Cultura Caminhos, Rodrigo de Logum, e do cofundador do Movimento Ser Ogam, Marcelino de Logum Edé. “Com o fomento e o surgimento de lideranças negras, os círculos de debates sobre temas como empoderamento, economia solidária, memória, ancestralidade, violência, cidadania e autonomia de homens e mulheres negras nas comunidades e escolas tem sido muito relevantes e, por isso, merecem destaque”, salienta a coordenadora da associação, Mãe Eleonora.