Menu


Prefeitura inicia vacinação contra a COVID-19 para idosos de 63 anos ou mais, neste sábado (17/04)

  • Publicado em Saúde

A Prefeitura de Hortolândia prossegue com a imunização contra a COVID-19 no município. Neste sábado (17/04) começam a ser vacinados idosos de 63 anos ou mais. A vacinação será das 8h às 16h, em cinco locais diferentes: CCMI (Centro de Convivência da Melhor Idade) Remanso Campineiro, UBSs (Unidades Básicas de Saúde) Amanda II, Novo Ângulo e Rosolém, e Emeief (Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental) “João Carlos do Amaral Soares” (confira abaixo os endereços dos locais de vacinação). Serão imunizados, exclusivamente, os idosos que já se cadastraram no site da Prefeitura e que têm agendamento para esta data. No cadastro, é possível verificar em qual dos cincos pontos de vacinação a pessoa deve se dirigir para ser imunizada.

Os idosos devem levar ao local de vacinação documento pessoal, cartão cidadão e comprovante de endereço. É permitido um acompanhante por idoso. Neste sábado não haverá o esquema de drive-thru no CCMI. 

Informações inverídicas têm sido divulgadas nas redes sociais, informando erroneamente que basta ir até um ponto de vacinação para receber a dose contra COVID-19. No entanto, devido ao rígido controle necessário, a oferta da vacina não ocorre por livre demanda. 

A Secretaria de Saúde reforça a orientação para que os idosos que ainda não fizeram o pré-cadastro para que o façam no site da Prefeitura, por meio deste LINK. É importante que famílias e parentes estimulem os idosos a tomar a vacina e os ajudem a fazer o cadastro. A vacina é segura.

PRÉ-CADASTRO

A Prefeitura mantém o pré-cadastro para a vacinação contra a COVID-19. De acordo com a Secretaria de Saúde, o pré-cadastro é para melhor organizar a vacinação e, com isso, evitar aglomeração, conforme os protocolos sanitários para evitar a disseminação do Coronavírus.

O pré-cadastro online deve ser feito no site da Prefeitura, por meio deste LINK. No pré-cadastro, é necessário informar nome, bairro, telefone, data de nascimento, número do CPF (Cadastro de Pessoa Física). A pessoa também deve informar se tem alguma deficiência motora que dificulte o acesso ao local de vacinação.

A Secretaria de Saúde fará a verificação destes dados com o cadastro da pessoa no e-SUS, que é o banco nacional de dados do sistema público de saúde. Caso os dados estejam corretos, a pessoa estará com o cadastro aprovado para a vacinação. 

Em caso dos dados estarem incorretos, o morador será orientado a entrar em contato com a UBS (Unidade Básica de Saúde) mais próxima de sua casa para atualizar os dados. Quem tiver o pré-cadastro negado em virtude de desatualização de dados também pode entrar em contato com a Prefeitura via WhatsApp pelo número (19) 99976-4720. O serviço funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Mais informações sobre o pré-cadastro também podem ser obtidas pelos telefones (19) 99976-2276, (19) 99979-9620, (19) 99976-6835 e (19) 99920-3204. A data da aplicação da vacina será agendada conforme a ordem de prioridade definida pela Secretaria Estadual de Saúde e mediante a entrega do imunizante pelo governo estadual.

Confira abaixo os endereços dos locais da vacinação contra a COVID-19 para idosos de 65 anos ou mais neste sábado (170/04): 

– CCMI (Centro de Convivência da Melhor Idade): rua Euclides Pires de Assis, 200, Remanso Campineiro

– UBS Amanda II: avenida Brasil, 800, Jardim Amanda II

– UBS Novo Ângulo: rua Edézio Vieira de Moras, 146, Jardim Novo Ângulo

– UBS Rosolém: rua Osmar Antonio Meira, 300, Jardim Rosolém

– Emeief “João Carlos do Amaral Soares”: rua José Martim dos Anjos, 55, Jardim Nova Hortolândia

Hortolândia aplica a 1ª dose da vacina contra a COVID-19 em cerca de 90% da população idosa de 65 anos ou mais

  • Publicado em Saúde

Hortolândia já aplicou a primeira dose da vacina contra a COVID-19 em cerca de 90% da população idosa com idade de 65 anos ou mais, pessoas que fizeram o pré-cadastro no site da Prefeitura. De acordo com a Secretaria de Saúde, 16 mil pessoas desta faixa etária, que são um dos públicos prioritários da vacinação de acordo com o cronograma do governo estadual, já receberam pelo menos a primeira dose da vacina contra o Coronavírus. A estimativa da população de idosos desta faixa etária que mora no município é de 17.406 pessoas, de acordo com dados da Seade (Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados).

A Secretaria de Saúde ainda reforça para que o público de 65 anos ou mais que já fez o pré-cadastro e recebeu o agendamento para a segunda dose que respeite a data estipulada para ser vacinada. A vacinação é feita no CCMI (Centro de Convivência da Melhor Idade), órgão da Prefeitura, localizado na rua Euclides Pires de Assis, 200, Remanso Campineiro. Os idosos devem levar ao local de vacinação documento pessoal, cartão cidadão e comprovante de endereço. É permitido um acompanhante por idoso. O CCMI está com esquema de drive-thru para idosos com dificuldade de locomoção. O acesso é pela entrada lateral do CCMI, na rua Antonio Bernardes. Serão vacinados somente os idosos que fizeram o pré-cadastro no site da Prefeitura e receberam o agendamento.

Em caso de idosos que receberam o agendamento e não compareceram à vacinação na data estipulada, eles deverão aguardar novo agendamento, que será feito pela Secretaria de Saúde e informado no site da Prefeitura, por meio de consulta.

A Prefeitura de Hortolândia aguarda o envio de mais doses da vacina contra a COVID-19 pelo governo do Estado para iniciar a imunização para a população das demais faixas etárias.

PRÉ-CADASTRO

A Prefeitura mantém o pré-cadastro para a vacinação contra a COVID-19. De acordo com a Secretaria de Saúde, o pré-cadastro é para melhor organizar o agendamento da imunização e, com isso, evitar aglomeração, conforme os protocolos sanitários para evitar a disseminação do Coronavírus.

O pré-cadastro online deve ser feito no site da Prefeitura, por meio deste LINK. No pré-cadastro, é necessário informar nome, bairro, telefone, data de nascimento, número do CPF (Cadastro de Pessoa Física). A pessoa também deve informar se tem alguma deficiência motora que dificulte o acesso ao local de vacinação.

A Secretaria de Saúde fará a verificação destes dados com o cadastro da pessoa no e-SUS, que é o banco nacional de dados do sistema público de saúde. Caso os dados estejam corretos, a informação do agendamento de cada pessoa estará disponível para consulta no site da Prefeitura. Para fazer a consulta, é necessário informar o CPF e a data de nascimento.

Em caso dos dados estarem incorretos, o morador será orientado a entrar em contato com a UBS (Unidade Básica de Saúde) mais próxima de sua casa para atualizar os dados. Quem tiver o pré-cadastro negado em virtude de desatualização de dados também pode entrar em contato com a Prefeitura via WhatsApp pelo número (19) 99976-4720. O serviço funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Mais informações sobre o pré-cadastro também podem ser obtidas pelos telefones (19) 99976-2276, (19) 99979-9620, (19) 99976-6835 e (19) 99920-3204. A data da aplicação da vacina será agendada conforme a ordem de prioridade definida pela Secretaria Estadual de Saúde e mediante a entrega do imunizante pelo governo estadual.

Abertas as inscrições para a Expo 3D BR, evento online com apoio da Prefeitura de Hortolândia

Um dos segmentos que tem crescido na pandemia é o de impressão em 3D. Para estimular o empreendedorismo neste setor, acontece a Expo 3D BR, no dia 1º de maio. O evento é realizado pela empresa e fablab (laboratório de fabricação digital, tradução da expressão em inglês fabrication laboratory) 3D Toy e tem o apoio da Prefeitura de Hortolândia. Já estão abertas as inscrições para quem quiser participar. Interessados podem se cadastrar no site do evento. Neste ano, a atividade será online em virtude do agravamento da pandemia para evitar aglomeração e conter a disseminação do Coronavírus.

O evento terá programação de palestras e debates sobre a utilização da tecnologia em construção de casas, biotecnologia, empreendedorismo social, entre outras áreas. A programação será transmitida ao vivo, pela internet, das 9h às 21h, no canal do YouTube 3D Geek Show, parceiro do evento.

A Expo 3D visa fomentar a impressão 3D, também denominada manufatura aditiva. Esta tecnologia consiste na fabricação de objetos tridimensionais a partir de um modelo criado em computador. De acordo com um dos organizadores do evento e proprietário da 3D Toy, Rubens Medino, a impressão 3D teve crescimento expressivo na pandemia em virtude desta tecnologia ser utilizada na fabricação de protetores faciais (face shields), respiradores, dentre outros equipamentos, que estão com grande demanda na área de saúde.

Para Rubens Medino, um dos fatores que impulsionaram o crescimento da impressão 3D é a acessibilidade. O preço de uma impressora 3D está na faixa de R$ 5.000,00. Outros fatores citados por ele são a rapidez de resultado obtido com a impressão 3D, o aumento na oferta de cursos e o uso da tecnologia na área de educação. Em função destes fatores e do cenário atual, o tema do evento neste ano é empreendedorismo. “Queremos apresentar para o público as diferentes aplicações da impressão 3D. O limite é a capacidade de criação de cada pessoa”, destaca Medino.

PARTICIPAÇÃO DE EMPRESAS

Empresas interessadas em participar podem fazer cadastro no site do evento, ou entrar em contato pelo e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ou via WhatsApp pelo telefone (19) 99161-2579.

De acordo com os organizadores, a estimativa de público é de 5.000 pessoas no horário de pico, entre às 17h às 21h. Em 2019, quando o evento teve edição presencial em Hortolândia (foto), o público registrado foi de mais de 2.000 pessoas. Neste ano, segundo Medino, cerca de 60 empresas brasileiras e de países como Canadá, Holanda e Polônia, participarão do evento.

A secretária de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Turismo e Inovação, Monique Freschet, destaca que o evento é uma grande conquista para o município, uma vez que Hortolândia é polo regional de tecnologia por ter grandes empresas da área. “Nesta edição, o evento será online, com palestras e debates sobre temas voltados aos empreendedores, mobilizando o ambiente de inovação. A Prefeitura apoia a Expo 3D por ser uma grande oportunidade para os empreendedores adquirirem novos conhecimentos, que possibilitarão crescimento e inovação as suas empresas durante e após a pandemia”, salienta Monique.

Prefeitura inicia vacinação contra a COVID-19 para idosos de 65 anos, neste sábado (10/04)

  • Publicado em Saúde

A Prefeitura de Hortolândia continua com o plano de imunização contra a COVID-19 no município. Neste sábado (10/04) começam a ser vacinados idosos de 65 anos de idade ou mais. A vacinação acontecerá no horário das 8h às 16h no CCMI (Centro de Convivência da Melhor Idade) Remanso Campineiro, nas UBSs (Unidades Básicas de Saúde) Amanda II, Figueiras, Novo Ângulo e Rosolém, e na Emeief (Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental) “João Carlos do Amaral Soares” (confira abaixo os endereços dos locais de vacinação). O público-alvo deve levar ao local de vacinação documento pessoal, cartão cidadão e comprovante de endereço. É permitido um acompanhante por idoso. Neste sábado não haverá o esquema de drive-thru no CCMI. A Secretaria de Saúde salienta que serão vacinados somente os idosos que fizeram o pré-cadastro no site da Prefeitura e receberam o agendamento com o local de vacinação.

A Secretaria de Saúde reforça a orientação para que os idosos que ainda não fizeram o pré-cadastro para que o façam no site da Prefeitura, por meio deste LINK. É importante que famílias e parentes estimulem os idosos a tomar a vacina e os ajudem a fazer o cadastro. A vacina é segura. Após ter feito o cadastro, a Secretaria de Saúde recomenda para que os idosos consultem o site da Prefeitura para conferir as informações do agendamento. 

A Secretaria de Saúde também ressalta que a imunização para profissionais da rede particular que estão na linha de frente da assistência humana também continua. Os profissionais que ainda não se cadastraram também podem fazê-lo no site da Prefeitura.

Para os idosos e profissionais da rede particular de saúde que já receberam o agendamento, a Secretaria de Saúde solicita para que estes públicos compareçam ao CCMI para receber a imunização, e com isso colaborar na contenção da disseminação do Coronavírus na cidade. 

Em caso de idosos ou profissionais que receberam o agendamento e não compareceram à vacinação, eles deverão aguardar novo agendamento, que será feito pela Secretaria de Saúde e informado no site da Prefeitura, por meio de consulta. 

Em caso da profissional que esteja gestante, ela somente poderá ser vacinada com avaliação obstétrica e prescrição médica. Pacientes oncológicos e transplantados somente receberão a vacina com prescrição médica.

A Secretaria de Saúde reforça a orientação que no dia da vacinação, o profissional deverá apresentar algum documento que comprove sua atuação na área de assistência à saúde, e também carteira de conselho de classe, contrato de trabalho, ou carteira de trabalho, e documento com foto. A Secretaria de Saúde orienta que se o profissional já tenha sido vacinado em outro local de trabalho, não poderá ser imunizado novamente. Se caso o profissional tenha apresentado sintomas da COVID-19 nos últimos 10 dias também não poderá ser imunizado. 

Não devem ser vacinados:

– Pacientes que tenham sido imunizados no calendário vacinal nos últimos 14 dias;

– Pacientes que apresentem quadro agudo e febril e sintomas respiratórios;

– Paciente que tenha tido COVID-19 há menos de 28 dias;   

– Menores de 18 anos.

PRÉ-CADASTRO

A Prefeitura mantém o pré-cadastro para a segunda fase da vacinação contra a COVID-19. De acordo com a Secretaria de Saúde, o pré-cadastro é para melhor organizar o agendamento para o início da vacinação e, com isso, evitar aglomeração, conforme os protocolos sanitários para evitar a disseminação do Coronavírus.

Idosos com 60 anos ou mais podem fazer o pré-cadastro online, por meio do site da Prefeitura. Basta clicar neste LINK. No pré-cadastro, o interessado deverá informar nome, bairro, telefone, data de nascimento, número do CPF (Cadastro de Pessoa Física), informar se tem alguma deficiência motora, que dificulte o acesso ao local de vacinação.

A Secretaria de Saúde fará a verificação destes dados com o cadastro da pessoa no e-SUS, que é o banco nacional de dados do sistema público de saúde. Caso os dados estejam corretos, a informação do agendamento de cada pessoa estará disponível para consulta no site da Prefeitura. Para fazer a consulta, é necessário informar o CPF e a data de nascimento.

Em caso dos dados estarem incorretos, o morador será orientado a entrar em contato com a UBS (Unidade Básica de Saúde) mais próxima de sua casa para atualizar os dados. Quem tiver o pré-cadastro negado em virtude de desatualização de dados também pode entrar em contato com a Prefeitura via WhatsApp pelo número (19) 99976-4720. O serviço funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Mais informações sobre o pré-cadastro também podem ser obtidas pelos telefones (19) 99976-2276, (19) 99979-9620, (19) 99976-6835 e (19) 99920-3204. A data da aplicação da vacina será agendada conforme a ordem de prioridade definida pela Secretaria Estadual de Saúde e mediante a entrega do imunizante pelo governo estadual.

CAMPANHA

Também neste sábado a Prefeitura de Hortolândia continua com a campanha “Vacina contra a fome”, do governo estadual, para arrecadar alimentos que serão destinados a pessoas cuja situação socioeconômica foi agravada pela pandemia. O objetivo é incentivar o público-alvo que será vacinado contra a COVID-19 a doar alimentos não perecíveis que compõem a cesta básica, dentre os quais arroz, feijão, leite em pó, entre outros.

As doações poderão ser feitas em um dos seis locais de vacinação que estarão abertos neste sábado. De acordo com a Secretaria de Inclusão e Desenvolvimento Social, com os alimentos arrecadados serão montados kits para serem entregues a mais de 400 famílias em vulnerabilidade social cadastradas nos quatro CRASs (Centros de Referência de Assistência Social) do município.

Confira abaixo os endereços dos locais da vacinação contra a COVID-19 para idosos de 65 anos ou mais neste sábado (10/04): 

– CCMI (Centro de Convivência da Melhor Idade): rua Euclides Pires de Assis, 200, Remanso Campineiro

– UBS Amanda II: avenida Brasil, 800, Jardim Amanda II

– UBS Figueiras: rua Maraci Aparecida Martarolli Campos, 66, Jardim das Figueiras II

– UBS Novo Ângulo: rua Edézio Vieira de Moras, 146, Jardim Novo Ângulo

– UBS Rosolém: rua Osmar Antonio Meira, 300, Jardim Rosolém

– Emeief “João Carlos do Amaral Soares”: rua José Martim dos Anjos, 55 Jardim Nova Hortolândia

Prefeitura realiza audiência pública online para elaboração da LDO de 2022 na próxima terça-feira (13/04)

Qual será a previsão de receitas e despesas do município para o próximo ano com os impactos econômicos causados pela pandemia do Coronavírus? Para responder esta questão, a Prefeitura de Hortolândia promove audiência pública online para a elaboração da LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) de 2022, na próxima terça-feira (13/04), às 10h. O evento será virtual em razão do agravamento da pandemia para evitar aglomeração e conter a disseminação da COVID-19. A audiência é aberta para a população. Para participar é necessário fazer inscrição pelo LINK. A audiência será realizada por meio da plataforma Zoom.

De acordo com a Secretaria de Finanças, a LDO é o instrumento de planejamento que orienta a Prefeitura na elaboração do orçamento para o próximo ano, estabelecendo quais serão as metas e as prioridades. Por lei, a Administração Municipal deve realizar a LDO todo ano. A apresentação da LDO de 2022 será feita pelo Departamento de Planejamento Orçamentário da Secretaria de Finanças. “É importante a população participar da audiência para saber como será a previsão de receitas e despesas do município”, explica a diretora do departamento, Maria Luísa Denadai. 

O secretário de Finanças, Pedro Reis Galindo, salienta que o principal desafio é fazer a previsão de receitas e despesas para o próximo ano em meio ao atual momento de agravamento da pandemia. “A previsão de receitas e despesas em meio a uma pandemia que nos atinge por todos os lados tornou-se uma tarefa quase impossível. Qual o impacto da pandemia na atividade econômica e, por consequência, na arrecadação de tributos? Qual o impacto nos empregos e, por consequência, na capacidade das famílias pagarem seus impostos, se alimentarem e se vestirem? Quanto a Prefeitura terá que gastar extraordinariamente com as áreas de Saúde, Educação, Assistência Social, Segurança e Fiscalização? Estas e muitas outras questões são enfrentadas na elaboração das leis orçamentárias. A vantagem que temos é a cultura de responsabilidade com os gastos e a preocupação com a vida das pessoas. Esta é a diretriz forte do querido prefeito Ângelo Perugini e que será ainda mais reforçada pelo novo prefeito José Nazareno Zezé Gomes”, ressalta Galindo.

Guardas Municipais de Hortolândia são imunizados contra o Coronavírus

Integrantes da GM (Guarda Municipal) de Hortolândia já estão sendo vacinados contra o Coronavírus. Por determinação do Governo do Estado, que incluiu os agentes de segurança pública entre os grupos prioritários, a aplicação do imunizante acontece, junto com a dos PMs (Policiais Militares) que atuam na cidade, na sede do 48° BPM (Batalhão de Polícia Militar), em Sumaré, desde esta terça-feira (06/04).  Além deles, também são atendidos policiais civis e militares, policiais da área técnico-científica e bombeiros.

Em média, são vacinados 45 GMs por dia. A previsão é que, até quinta-feira (08/04), todo o efetivo tenha recebido a vacina. Segundo a Secretaria Municipal de Segurança, até o momento 70% do contingente já havia sido imunizado.

Para o secretário de Segurança de Hortolândia, Joldemar Nunes Corrêa, a medida é muito bem-vinda, pois protege servidores que atuam na linha de frente do combate ao Coronavírus, desde o início da pandemia, seja em ações preventivas, seja em operações de fiscalização e orientação realizadas pela Prefeitura. 

“A vacinação dos guardas municipais é muito importante, porque eles são profissionais que estão superexpostos ao contágio do vírus, pois atuam na linha de frente, desde o início da pandemia, principalmente na área de fiscalização para evitar aglomerações. A vacina traz uma maior segurança e tranquilidade para que possam continuar atuando no combate à pandemia”, avalia o secretário.

Vacinação de idosos e profissionais da saúde

Nesta segunda-feira (05/04), a Prefeitura iniciou a vacinação para idosos com idade de 67 anos ou mais. A vacinação é realizada no CCMI (Centro de Convivência da Melhor Idade), órgão da Prefeitura, localizado na rua Euclides Pires de Assis, 200, Remanso Campineiro. O local conta com esquema de drive-thru para imunizar idosos com dificuldade de locomoção. O acesso é pela entrada lateral do CCMI na rua Antonio Bernardes. Serão vacinados somente os idosos que fizeram o pré-cadastro no site da Prefeitura e receberam o agendamento. Os idosos devem levar ao local de vacinação documento pessoal, cartão cidadão e comprovante de endereço. É permitido um acompanhante por idoso. 

A Secretaria de Saúde reforça a orientação para que os idosos que ainda não fizeram o pré-cadastro, para que o façam no site da Prefeitura. É importante que famílias e parentes estimulem os idosos a tomar a vacina e os ajudem a fazer o cadastro. A vacina é segura. Após ter feito o cadastro, a Secretaria de Saúde recomenda para que os idosos consultem o site da Prefeitura para conferir as informações do agendamento. 

A Secretaria de Saúde também ressalta que a imunização para profissionais da rede particular que estão na linha de frente da assistência à saúde também continua. Os profissionais que ainda não se cadastraram também podem fazê-lo no site da Prefeitura.

Não devem ser vacinados:

– Pacientes que tenham sido imunizados no calendário vacinal nos últimos 14 dias;

– Pacientes que apresentem quadro agudo e febril e sintomas respiratórios;

– Paciente que tenha tido COVID-19 há menos de 28 dias;   

– Menores de 18 anos.

 

Assinar este feed RSS