Menu


Prefeitura inicia entrega de uniformes escolares de inverno na próxima semana, com dia e hora marcados

A partir da próxima semana, a Prefeitura de Hortolândia entregará os kits de uniforme de inverno aos cerca de 23 mil alunos da rede municipal de Educação. As vestimentas já começaram a ser distribuídas às escolas, que organizarão a entrega. Para a logística de distribuição seguir todas as orientações sanitárias e de isolamento social, a fim de conter a disseminação do Coronavírus, as famílias serão convocadas pelas escolas para retirar os kits com dia e hora marcados. De acordo com a Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia, o kit contém calça comprida e agasalho. A confecção das vestimentas foi realizada por bolsistas do Programa Acerte (Ação Cidadã de Requalificação Trabalho e Educação), projeto social da Prefeitura que capacita moradores de Hortolândia em vulnerabilidade social.

Neste primeiro dia de distribuição de uniformes nas escolas, três unidades receberam os kits: CIER (Centro Integrado de Educação e Reabilitação) “Romildo Pardini”, Emeb (Escola Municipal de Educação Básica) Josias da Silva Macedo e Emeb Jd. Interlagos. A entrega ocorrerá em conjunto com a retirada dos kit de alimentação, que são cestas básicas fornecidas pela Prefeitura às famílias dos alunos em situação de vulnerabilidade social. “Todos os alunos receberão o uniforme escolar, inclusive aqueles cujas famílias não recebem a cesta de alimentos. Cada escola vai entrar em contato com os pais dos estudantes para agendar a entrega do agasalho de inverno”, garantiu a secretária de Educação, Ciência e Tecnologia, Sandra Fagundes Freire.

Neste período de aulas presenciais suspensas, as escolas estão abertas das 9h às 15h. Para buscar o uniforme escolar ou o kit de alimentação, a pessoa deve atender às recomendações sanitárias, como utilizar máscara, higienizar as mãos com álcool em gel e manter distanciamento.

Kits de alimentação

A entrega de kits de alimentação pela Prefeitura às famílias dos alunos da rede municipal é uma medida da Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia para garantir a segurança alimentar de alunos em situação de vulnerabilidade, enquanto as aulas presenciais estão temporariamente suspensas, para conter a disseminação da COVID-19.

A primeira remessa de kits começou a ser entregue em março, ação que atende inclusive os alunos matriculados em escolas conveniadas pelo Bolsa Creche. O kit é composto por gêneros comumente utilizados no preparo da alimentação escolar.

Emei Jd. Novo Ângulo será inaugurada ainda neste ano

A Emei (Escola Municipal de Educação Infantil) Jd. Novo Ângulo, em construção pela Prefeitura de Hortolândia, está praticamente pronta. Os operários da empresa responsável pela obra finalizam a implantação do cabeamento da rede elétrica e realizam alguns ajustes no acabamento do prédio, construído por meio de convênio celebrado com o Governo Federal, com recursos do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação). Quando a escola for aberta para aulas, haverá 320 novas vagas para crianças com idade entre zero e cinco anos, em turmas de Berçário, Mini-Grupo, Maternal, Jardins I e II.

A estimativa da Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia é que a creche fique pronta no próximo semestre. “Já estamos providenciando equipamentos e mobiliário, além da equipe que está capacitada para cuidar das crianças com muito carinho”, destacou a secretária de Educação, Ciência e Tecnologia, Sandra Fagundes Freire.

Segundo a Secretaria de Obras, a área construída da nova creche é de 1.311,97 metros quadrados e a área total do terreno 1.510,23 metros quadrados. A execução da obra apresentou alguns problemas: após atrasos sucessivos, tanto no cronograma da construção, quanto no de repasses de recursos federais, a empresa vencedora da primeira licitação abandonou a obra e foi penalizada com a rescisão do contrato. Em razão disso, a Prefeitura precisou abrir novo processo licitatório para contratar a empresa atual, a Vitória Construções, Compra, Venda e Avaliação Imobiliária. O serviço foi retomado em dezembro do ano passado. Agora, as obras estão em franco andamento e prestes a serem concluídas dentro do novo prazo esperado.

PIC

Os investimentos na área de Educação são uma das prioridades do PIC, o Programa de Incentivo ao Crescimento da Prefeitura, que prevê mais de 100 obras e serviços que vão transformar Hortolândia e garantir mais qualidade de vida para a população. As ações do PIC são realizadas pela Prefeitura por meio de parcerias com a iniciativa privada, os governos estadual e federal.

Av. Thereza Ana Cecon Breda recebe guias e sarjetas no trecho em duplicação

  • Publicado em Obras

A obra de duplicação da avenida Thereza Ana Cecon Breda, desde o Jd. das Colinas, em frente ao IFSP (Instituto Federal de São Paulo), até a divisa com Sumaré, avança com a implantação de uma alça de acesso ao bairro Chácaras Recreio Alvorada. Nesta semana, a Prefeitura de Hortolândia realiza obras de concretagem de guias e sarjetas neste ponto, que servirá, também, como retorno à avenida. De acordo com a Secretaria de Obras, com as intervenções na avenida, a Prefeitura garantirá maior fluidez ao tráfego de veículos, com mais segurança para motoristas e pedestres.

A duplicação abrangerá cerca de 940 metros. Neste trajeto, a via contará com canteiro central, ciclovia e calçada para pedestres em uma das laterais, além de paisagismo e iluminação com luminárias de LED. Também será construído um posto de monitoramento na entrada da cidade para quem vem de Sumaré. A obra tem previsão de ser concluída no segundo semestre deste ano.

PIC

As obras na av. Thereza Ana Cecon Breda fazem parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento), implantado pelo prefeito Angelo Perugini para acelerar o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos. O programa prevê mais de 100 obras e serviços, em diversas áreas. Para a realização destas intervenções, a Prefeitura conta com apoio da iniciativa privada, dos governos estadual e federal, sendo que a principal fonte de recursos é um financiamento junto ao banco internacional CAF.

UBS Jd. Santiago conta agora com odontologia e farmácia

  • Publicado em Saúde

Em meio à pandemia do Coronavírus, Hortolândia prossegue com os trabalhos de melhoria na área de saúde. A Prefeitura acaba de concluir a reforma na UBS (Unidade Básica de Saúde) Jd. Santiago. Esta unidade, a partir de agora, oferece novos serviços, com destaque para atendimento em saúde bucal (odontologia), uma antiga demanda da população local. Outro novo serviço que a unidade tem é farmácia (foto), que possibilita ao paciente já sair da consulta levando para casa os medicamentos necessários. 

Para proporcionar conforto para famílias que não tem onde deixar as crianças, a unidade está equipada com uma brinquedoteca. Além disso, o prédio recebeu duas novas salas de reuniões, sendo que uma delas será destinada a encontros da comunidade. 

A reforma na UBS Jd. Santiago foi feita com recursos próprios da Prefeitura e executada em parceria com a Secretaria de Serviços Urbanos. Mesmo durante a execução do serviço, a unidade de saúde funcionou normalmente. 

A UBS realiza atendimento de cerca de 6.000 moradores dos bairros Jd. Aline, Jd. Conceição, Vila Guedes, além do Jd. Santiago. De acordo com informações da Secretaria de Saúde, a reforma no prédio da UBS Santiago teve como objetivo reorganizar o fluxo interno de profissionais e pacientes, readequar ambientes e salas de atendimento, tornando a unidade mais acolhedora.

“A reabertura da UBS Santiago representa uma grande conquista para os moradores da região, que passam a ter agora atendimento humanizado e com mais qualidade. Além disso, a unidade conta agora com um espaço de reunião para uso dos moradores, o que ajudará a fortalecer os laços da comunidade da região”, destaca a secretária de Saúde, Mary Guiomar Almeida Rocha.

TRANSFORMAÇÃO NA SAÚDE 

A Prefeitura de Hortolândia desenvolve uma série de obras e ações para a reestruturação do sistema de saúde na cidade, que incluem a reforma e ampliação do Hospital Municipal, a reforma de UBSs, a abertura de farmácias em todas as unidades de saúde, entre outras melhorias que resultam em mais qualidade no atendimento prestado aos munícipes. Estas intervenções fazem parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento), conjunto de mais de 100 obras e serviços, com objetivo de promover o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos. As obras são realizadas por meio de parcerias da Prefeitura com a iniciativa privada, governos estadual e federal, sendo que a principal fonte de recursos é um financiamento junto ao banco internacional CAF. 

A principal intervenção na área da saúde é a reforma do Hospital Municipal. Serão investidos R$ 12,5 milhões nesta ação, que incluirá reforma desde a fachada até as instalações internas, garantindo a ampliação de 67 para 100 leitos, com 10 vagas de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) adulto. Entre os novos serviços que serão oferecidos no local está o exame de tomografia, medida que colaborará para agilizar o diagnóstico dos pacientes.

Sinalização prepara nova avenida atrás da Havan para receber trânsito

  • Publicado em Obras

Após asfaltar a nova avenida, aberta atrás da loja da Havan, no Jd. Santa Clara, a Prefeitura de Hortolândia implanta, nesta quinta-feira (09/04), sinalização de solo no trecho que vai até a avenida da Emancipação. A ação prevê, ainda, a instalação de semáforos no cruzamento com a avenida. A partir deste ponto, a nova via se integrará à avenida Panaíno, em implantação pela Prefeitura, com objetivo de facilitar o acesso viário, desde a região do Jd. Santa Clara até o Jd. Novo Ângulo. 

A nova rua atrás da Havan tem quatro faixas (duas em cada sentido), canteiro central gramado, calçada para pedestres em ambos os lados e ciclovia em uma das laterais, além de sistema de drenagem de águas pluviais e rampas de acessibilidade. Com 320 metros, o viário inicia na rua Osvaldo Ribeiro Carrilho, próximo de onde há um poço artesiano comunitário. Uma rotatória foi implantada para acesso à via por meio das ruas Ida Amádio (rua da feira), Pedro Pereira dos Santos (Clínica Madesa) e Osvaldo Ribeiro Carrilho (Hospital Municipal). Na outra extremidade, a via terá ligação com a rua paralela à avenida da Emancipação. 

PIC 

A obra da avenida no Jd. Santa Clara é realizada com recursos provenientes de convênio com o Governo Federal. A ação faz parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento). As ações do PIC são realizadas por meio de parcerias com a iniciativa privada, governos estadual e federal, sendo que a principal fonte de recursos é um financiamento junto ao banco internacional CAF.

Hortolândia volta a gerar emprego e renda com a chegada de novas empresas

Hortolândia continua a mostrar sinais de que a retomada do crescimento econômico segue a todo vapor. Novas empresas chegam à cidade e empreendimentos que já estão no município investem na ampliação dos seus negócios. A Prefeitura estima que, neste ano, deverão ser criados cerca de 650 empregos por empresas em fase de instalação na cidade. De acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Turismo e Inovação, estas novas oportunidades de emprego são de empresas dos setores de tecnologia, embalagem e atacado. 

A conquista de novas empresas para a cidade, com geração de emprego e renda, é uma das prioridades da Prefeitura por meio do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento), que realiza obras e serviços por meio de parcerias com a iniciativa privada, governos estadual e federal. O objetivo é incentivar o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos. Dentre as novas empresas que chegam à cidade estão Odata (tecnologia), Embalixo (fabricante de embalagens) e Assaí Atacadista (comércio atacadista).

Para atrair novas empresas, a Prefeitura oferece benefícios por meio do Proemph (Programa Municipal de Incentivo Empresarial de Hortolândia). “A Prefeitura atende e acompanha a instalação dos novos investimentos, do início ao fim, garantindo que tudo ocorra dentro do prazo planejado pelas empresas. Ao oferecer incentivos fiscais, intermediação de mão de obra qualificada, vantagem logística, monitoramento da emissão de licenças municipais e estaduais, alvará de construção, entre outras necessidades, a cidade é destaque na região”, destaca a secretária de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Turismo e Inovação, Monique Freschet.

Hortolândia também oferece boa localização, perto das principais rodovias do Estado (Bandeirantes e Anhanguera) e do aeroporto de Viracopos. Além disso, a cidade tem quase 100% de esgoto coletado e tratado, 98% das vias com asfalto, 100% de abastecimento de água, conta com hospitais, parques socioambientais, escolas, universidades, biblioteca, bares, hotéis e restaurantes, garantindo qualidade de vida a seus habitantes.

O trabalho que a Prefeitura tem realizado para atrair novas empresas tem dado resultado. De acordo com Monique, nos últimos três anos (2017 a 2019), a Prefeitura atraiu investimentos de mais de 10 empresas, totalizando 1.446 empregos diretos. “Com a conclusão das obras do PIC, teremos uma infraestrutura ainda melhor para oferecer aos investidores, garantindo mais emprego e renda para a cidade”, observa a secretária.

Entre as obras previstas pelo PIC estão: abertura de novas ruas, avenidas e construção de pontes para facilitar o deslocamento dentro da cidade, implantação de lâmpadas de LED em todas as ruas da cidade, cinco novos parques ambientais, ampliação do número de câmeras de videomonitoramento para garantir mais segurança, reforma do hospital municipal, dentre outras.

FUTURO POSITIVO

As perspectivas para o próximo ano também são positivas com o início de funcionamento de novas empresas no município, entre elas a Biomin, que atua no segmento de nutrição animal. Ainda de acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Turismo e Inovação, “novas empresas estão chegando e vão gerar mais emprego e renda”. 

Monique salienta também que a Prefeitura trabalha para garantir que as empresas já instaladas na cidade façam mais investimentos. De acordo com a estimativa da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Turismo e Inovação, estas empresas devem criar, neste ano, cerca de 60 novos empregos em decorrência da ampliação de suas estruturas, outro sinal da retomada do desenvolvimento econômico da cidade. Já para 2021, a estimativa é que as empresas instaladas na cidade criem 220 vagas de emprego por meio da ampliação dos empreendimentos.

CAGED

Outro sinal que mostra a retomada do crescimento econômico de Hortolândia são os dados de 2019 do CAGED (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), do Ministério da Economia. O município fechou o ano passado com saldo positivo de 823 empregos.

Este número representa crescimento quase 12 vezes maior do que em 2018, quando a cidade teve saldo de 74 empregos. De acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Turismo e Inovação, mais uma vez, o setor econômico que mais empregou na cidade foi o de serviços, com saldo de 699 vagas criadas no ano passado. O saldo de 2019 é o maior desde 2012, quando a cidade registrou saldo de 707 empregos. 

A retomada do crescimento econômico de Hortolândia é também destaque na grande mídia nacional. O município está no ranking anual “Melhores cidades para fazer negócios – Edição 2019”, elaborado pela empresa Urban Systems para a Revista Exame. No ranking que lista as 100 melhores cidades do país para se investir, Hortolândia ficou na 59ª posição, o que representa um crescimento expressivo. No ranking de 2018, a cidade ficou na 90ª posição.

PREPARAÇÃO DE MÃO DE OBRA

Para preparar os moradores da cidade para as novas vagas de emprego  oferecidas pelas novas empresas, a Prefeitura investe na formação dos trabalhadores com a oferta de cursos gratuitos de qualificação profissional.

Assinar este feed RSS