Menu


Jd. São Miguel recebe guias e sarjetas em trechos que serão asfaltados

  • Publicado em Obras

A Prefeitura de Hortolândia realiza obras de melhoria urbana no Jd. São Miguel. A ação garantirá asfalto em três vias do bairro que tinham parte do traçado em terra batida: as ruas Capitão Lourival Mey, João Rodrigues Garajaú e Antônio Dias de Lima. Nesta semana, estas ruas recebem guias e sarjetas, numa etapa da obra que antecede a colocação da base do asfalto.

Nas semanas anteriores, a Prefeitura implantou sistema de drenagem de águas pluviais, com bocas de lobo e tubulação subterrânea, nessas ruas. Com a colocação dos tubos que escoarão a água da chuva, a Prefeitura evitará alagamento nas vias, após a pavimentação.

De acordo com a Secretaria de Obras, a ação garantirá melhores condições viárias para o bairro, principalmente no acesso à avenida Olívio Franceschini. O projeto prevê 682 metros de extensão com vias pavimentadas, além de 1.132 metros de guias e sarjetas.

PIC

A obra de pavimentação de ruas no Jd. São Miguel faz parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento). A iniciativa prevê mais de 100 intervenções e serviços que promoverão o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos. As ações do PIC são realizadas pela Prefeitura por meio de parcerias com a iniciativa privada, governos estadual e federal, sendo que a principal fonte de recursos é um financiamento junto ao banco internacional CAF.

Viário que integra bairros na região do Jd. Santa Fé fica pronto em um mês

  • Publicado em Obras

Hortolândia completa, neste mês, 29 anos de emancipação política. A data foi celebrada nesta terça-feira (19/05). Em quase três décadas, muitas conquistas já foram alcançadas e outras estão prestes a acontecer. Uma delas é a entrega da obra viária que encurtará os caminhos entre diversos bairros na região do Jd. Santa Fé. A conclusão de todas as etapas desta intervenção está prevista para o próximo mês.

A obra contempla três frentes de trabalho, em andamento atualmente: abertura de uma rua desde o Jd. Santa Clara do Lago II até o Jd. Nova Alvorada, na região atrás da Confibra; construção de uma ponte para travessia sobre o Lago da Fé; e implantação de uma rotatória no Jd. Santa Clara do Lago II para acesso à nova rua.

Nesta semana, a obra da rotatória é a que mais avança. O dispositivo fica na rua Bolívia, organizando o trânsito das ruas Edivaldo Diogo da Costa (Villagio Ghiraldelli) e Rio Tapajós (Jd. Interlagos), sentido Jd. Nova Alvorada. Já a obra da nova rua está quase pronta, com asfalto implantado em todo o trecho, além de sistema de drenagem, pista de caminhada e ciclovia. O viário tem cerca de 1,5 km. Na obra da ponte, que terá 170 metros de extensão, resta apenas a pavimentação, que será realizada nos próximos dias. As intervenções são realizadas com recursos financiados pelo Banco CAF.

PIC

O complexo viário na região do Jd. Santa Fé faz parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento), implantado pela Prefeitura para estimular o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos. O programa prevê mais de 100 obras e serviços, em diversas áreas. Para estas intervenções, o município conta recursos financeiros da iniciativa privada, dos governos estadual e federal.

Ciclovia em nova avenida atrás da Havan recebe sinalização

  • Publicado em Obras

A Prefeitura de Hortolândia sinalizou, nesta semana, a ciclovia implantada na lateral da nova avenida aberta entre a loja Havan e o Hospital Municipal, no Jd. Santa Clara do Lago. Além de o solo ter recebido tinta vermelha, foram demarcados os sentidos que os ciclistas poderão adotar, dividindo a ciclovia em ida e volta. A nova avenida se integrará à avenida Panaíno, em implantação pela Prefeitura, com objetivo de facilitar o acesso viário desde a região do Jd. Santa Clara até o Jd. Novo Ângulo.

Com 320 metros, o viário aberto atrás do Hospital Municipal inicia na rua Osvaldo Ribeiro Carrilho, próximo de onde há um poço artesiano comunitário, e vai até a avenida da Emancipação. A avenida tem quatro faixas (duas em cada sentido), canteiro central gramado, calçada para pedestres em ambos os lados e ciclovia em uma das laterais, além de sistema de drenagem de águas pluviais e rampas de acessibilidade.

Uma rotatória foi implantada para acesso à via por meio das ruas Ida Amádio (rua da feira), Pedro Pereira dos Santos (Clínica Madesa) e Osvaldo Ribeiro Carrilho (Hospital Municipal). Para que o trânsito seja liberado, a Prefeitura instalará, em breve, um semáforo no cruzamento com a avenida da Emancipação.

O serviço foi executado com recursos provenientes de convênio com o Governo Federal. A ação faz parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento). As ações do PIC são realizadas por meio de parcerias com a iniciativa privada, governos estadual e federal, sendo que a principal fonte de recursos é um financiamento junto ao banco internacional CAF.

Ponte da Esperança reflete cores da cidade em homenagem aos 29 anos de Hortolândia

A iluminação decorativa que integra a estrutura permanente da Ponte da Esperança (estaiada) ganhou as cores verde e amarelo, que fazem parte do brasão de Hortolândia. É uma homenagem da Prefeitura à cidade, que completou 29 anos de emancipação política, nesta terça-feira (19/05). À noite, é possível conferir as cores refletidas na ponte, embelezando ainda mais este cartão postal do município.

De acordo com informações da Secretaria de Planejamento Urbano e Gestão Estratégica, os refletores do sistema de iluminação decorativa ficam nos estais, no pilar central e na base inferior, com iluminação direcionada às colunas.

A iluminação decorativa da Ponte da Esperança foi instalada na estrutura, de forma permanente, no ano passado. Os equipamentos têm a possibilidade de mudar de cor, conforme a programação, marcando o comprometimento da Administração Municipal com diversas causas sociais ou datas comemorativas, como o Natal e a campanha Outubro Rosa de prevenção ao câncer de mama.

Nova iluminação

A Prefeitura de Hortolândia investe na modernização do parque de iluminação pública de toda a cidade. Por meio de uma PPP (Parceria Público Privada), o município realiza a troca de lâmpadas de vapor de sódio, em toda a cidade, por luminárias de LED, que conferem maior potencial de luminosidade. Até o final de 2021, todas as ruas da cidade terão iluminação de LED, totalizando a troca das lâmpadas em 22 mil pontos. O contrato de PPP inclui, além da substituição das luzes, os serviços de monitoramento inteligente, expansão, operação e manutenção da iluminação pública da cidade. As ações de modernização da rede de iluminação pública garantirão eficiência energética e economia aos cofres públicos.

Os investimentos em iluminação pública fazem parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento), implantado pelo prefeito Angelo Perugini para incentivar o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos. O programa prevê mais de 100 obras e serviços, em diversas áreas. Para fazer estas intervenções, o município conta com apoio de recursos da iniciativa privada e dos governos estadual e federal.

Após implantar lâmpadas LED no Jd. Amanda, Prefeitura começa a trocar luzes no Jd. Rosolen

  • Publicado em Obras

No aniversário de 29 anos de Hortolândia, completados nesta terça-feira (19/05), quem ganha o presente é a população. A Prefeitura comemora a conclusão da primeira etapa da troca das lâmpadas de vapor de sódio por luminárias de LED, ação finalizada na região do Jardim Amanda. Agora, é a vez da região do Jd. Rosolen receber as lâmpadas LED, que conferem maior potencial de luminosidade, com modernidade e segurança. O trabalho nas ruas dos bairros da região começou na segunda-feira (18/05), com a previsão de substituir mais de duas mil luminárias dos postes até o mês de julho. A meta da Prefeitura é que, até o final de 2021, todos os bairros contem com esta tecnologia, que coloca Hortolândia na lista das cidades inteligentes do Brasil. Em toda a cidade, serão trocadas 22 mil luzes.

A troca das lâmpadas acontece por meio de um consórcio, contratado pela Prefeitura via PPP (Parceria Público Privada) para as ações de gestão e modernização do parque de iluminação pública. As novas luzes oferecem mais claridade e, com isso, aumentam a segurança nos bairros à noite. Além de iluminar mais, as lâmpadas de LED consomem menos energia elétrica do que as de vapor de sódio, usadas atualmente. A estimativa da Prefeitura é que, com a PPP, os custos com iluminação pública sejam reduzidos em mais de 50%. “Além de apresentarem um impacto ambiental menor, as lâmpadas de LED são muito mais econômicas. Hoje, a Prefeitura paga R$ 600 mil por mês em iluminação pública. Com as lâmpadas de LED, esse valor será de 200 mil por mês”, afirmou o secretário de Planejamento Urbano, Carlos Roberto Prataviera Junior.

A região do Jd. Amanda Amanda foi a primeira a receber o serviço de troca das lâmpadas. Segundo a Secretaria de Planejamento Urbano e Gestão Estratégica, ao todo, 2.603 luminárias de LED foram instaladas, atendendo também os bairros Chácaras Acaray e Chácaras Havaí.

Já na atual etapa da ação, estão incluídos, além do Jd. Rosolen, outros 16 bairros da região (veja abaixo). No segundo semestre, será a vez da região do Jd. Nova Hortolândia, com a troca de 2.821 lâmpadas, contemplando também os bairros Jardim Primavera, Recanto do Sol, Jardim São Jorge, Jardim Boa Esperança, Jardim Nossa Senhora Auxiliadora, Vila Real Santista, Vila Real Continuação e Parque do Horto.

PIC

Os investimentos em iluminação pública fazem parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento), implantado pela Prefeitura para incentivar o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos. O programa prevê mais de 100 obras e serviços, em diversas áreas. Para estas intervenções, o município conta com apoio de recursos da iniciativa privada e dos governos estadual e federal, sendo que a principal fonte de recursos é um financiamento junto ao banco internacional CAF.

Confira os bairros beneficiados na região do Jd. Rosolen:

•        Jd. Rosolen

•        Jd. Terras de Santo Antônio,

•        Jardim Lírio,

•        Jardim Adelaide,

•        Jardim Paulistinha,

•        Vila Ypê,

•        Núcleo Santa Isabel,

•        Jardim Santo Antônio,

•        Jardim Viagem,

•        Jardim Santa Cândida,

•        Jardim Nossa Senhora da Penha,

•        Jardim Santa Isabel,

•        Jardim Ricardo,

•        Jardim Nossa Senhora de Lourdes,

•        Jardim São Benedito,

•        Jardim Nossa Senhora de Fátima e

•        Chácaras Coelho

Ponte que ligará Nova Alvorada ao Novo Cambuí será asfaltada nos próximos dias

  • Publicado em Obras

O trabalho de integração viária entre bairros da região do Jd. Santa Fé avança com a construção da ponte sobre o Pq. Lago da Fé, unindo os bairros Jd. Nova Alvorada ao Jd. Novo Cambuí. Nesta semana, a Prefeitura de Hortolândia implantou o material que compõe a base do asfalto sobre a estrutura da ponte. Com isso, a próxima etapa é a pavimentação do trecho. A obra faz parte de um complexo viário de mais de 1,5 km, que integrará desde o Jd. Santa Clara do Lago II até o Jd. Novo Cambuí.

De acordo com a Secretaria de Obras, apesar de o Parque Lago da Fé contar com calçada para pedestres em toda sua extensão, ainda não é possível a travessia de veículos. Com a conclusão da ponte, que terá 170 metros de extensão, ficará mais fácil e rápido para os moradores dos bairros irem de uma região a outra. As intervenções são realizadas com recursos financiados pelo Banco CAF.

Além da obra da ponte, a Prefeitura constrói uma nova rua, atrás da Confibra. A via começa na rua Bolívia, no Jd. Santa Clara do Lago II, e vai até a avenida Joaquim Martarolli, no Jd. Nova Alvorada. Para facilitar o acesso de veículos a esta nova rua, a Secretaria de Obras trabalha na construção de uma rotatória na rua Bolívia, organizando o trânsito das ruas Edivaldo Diogo da Costa (Villagio Ghiraldelli) e Rio Tapajós (Jd. Interlagos), sentido Jd. Nova Alvorada.

PIC

O complexo viário na região do Jd. Santa Fé faz parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento), implantado pela Prefeitura para estimular o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos. O programa prevê mais de 100 obras e serviços, em diversas áreas. Para estas intervenções, o município conta recursos financeiros da iniciativa privada, dos governos estadual e federal.

Assinar este feed RSS