Menu


Ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, lança Programa de Eficiência Energética em Hortolândia

Cerimônia de lançamento será na segunda-feira (11/12), às 10h, no local onde é construído o novo Paço Municipal 

O ministro de Minas e Energia, Alexandre Silveira, fará o lançamento do Programa de Eficiência Energética, na próxima segunda-feira (11/12), às 10h, em Hortolândia. O lançamento será realizado no local onde é construído o novo Paço Municipal, localizado na Estrada Sabina Baptista Camargo. O evento contará também com a participação do prefeito José Nazareno Zezé Gomes e autoridades. 

O programa é uma iniciativa pioneira da Prefeitura para consolidar Hortolândia como município inteligente e sustentável. O programa servirá de referência para o Governo Federal, que também pretende implantá-lo no país.

Uma das ações do programa é a instalação de 21 usinas fotovoltaicas que vão gerar uma economia de R$ 4 milhões a Hortolândia. Com a implantação do programa e das usinas, a meta da Prefeitura é tornar o município referência nacional no uso de energia limpa.

De acordo com a Secretaria Municipal de Planejamento Urbano e Gestão Estratégica de Hortolândia, as 21 usinas serão instaladas em prédios públicos, como unidades de saúde, escolas, ginásios, dentre outros. A energia gerada pelas usinas equivalerá a 80% do consumo dos 199 prédios públicos do município. 

Já estão em funcionamento as usinas no novo Paço Municipal, no Hospital Municipal Mario Covas e na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Nova Hortolândia. Neste ano já foram instaladas as usinas nas EMEFs (Escolas Municipais de Ensino Fundamental) Professora Helena Futava Takahashi e Villagio Ghiraldelli e no CIER (Centro Integrado de Educação e Reabilitação) Romildo Pardini. 

A Prefeitura de Hortolândia iniciou a instalação de usinas na EMEI (Escola Municipal de Educação Infantil) Jardim Santiago, na EMEF Nova Europa e na EMEIEF (Escola Municipal de Educação Infantil e Ensino Fundamental) Jardim Santa Clara do Lago I, na última semana de novembro.

OUTRAS AÇÕES

O Programa de Eficiência Energética da Prefeitura também prevê outras ações, dentre as quais, a implantação de novas luminárias de LED em vários pontos da cidade. 

Outra ação importante é a troca de 20 veículos movidos à combustão da frota da Prefeitura por veículos elétricos. De acordo com a Secretaria de Planejamento Urbano e Gestão Estratégica, a substituição está prevista para ser feita até março de 2024. 

O programa também prevê a troca de parte da frota de veículos do transporte público movidos à combustão por veículos elétricos. O programa também implantará na cidade 19 eletropostos para fazer o abastecimento de veículos movidos a energia elétrica. 

Com o programa, a expectativa da Prefeitura é reduzir em 10% a taxa de iluminação pública em 2024, o que irá gerar uma economia de R$ 12 milhões por ano ao município. Uma das ações já concluídas pelo programa foi a implantação de iluminação em LED na cidade, controlado por um sistema inteligente de telegestão.

 

Leia mais ...

Obras do novo Paço Municipal já estão 60% finalizadas

Usina fotovoltaica que abastecerá nova sede da Prefeitura já está pronta

As obras do novo Paço Municipal continuam a avançar. De acordo com a empresa contratada pela Prefeitura, já foram concluídos 60% dos trabalhos. Um deles é a construção da usina fotovoltaica. 

Segundo a Secretaria de Planejamento Urbano e Gestão Estratégica, a previsão é que a usina seja acionada no próximo mês. Para que isso ocorra, a Administração Municipal aguarda a CPFL (Companhia Paulista de Força e Luz) concluir os últimos ajustes na rede de energia elétrica do novo Paço Municipal para possibilitar que a usina comece efetivamente a funcionar.

A usina tem mais de 1.800 placas de captação de energia solar, que foram colocadas nas coberturas dos dois estacionamentos que serão construídos. De acordo com a Secretaria de Planejamento Urbano e Gestão Estratégica, a usina deverá produzir energia suficiente para abastecer o novo Paço. A produção excedente será transmitida à rede elétrica da CPFL para compensações futuras. A usina proporcionará redução da conta de energia, gerando economia para o município. A construção da usina é realizada com recursos da CIP (Contribuição de Iluminação Pública).

Além da conclusão da usina fotovoltaica, a empresa responsável pela obra prossegue com serviços em várias outras frentes, dentre os quais alvenaria, impermeabilização, piso, revestimento, instalação de esquadrias de vidros e janelas, instalações hidráulica e elétrica. A empresa responsável pela obra mantém a previsão de finalização dos trabalhos para novembro deste ano. 

NOVO PAÇO

O Novo Paço é erguido em terreno de 60 mil metros quadrados, próximo ao do Corredor Metropolitano e nas imediações da Ponte da Esperança. A Ordem de Serviços para o início da obra foi assinada em 29 de junho de 2022. A terraplenagem começou em julho de 2022. Em seguida, veio a etapa das fundações e de implantação das colunas.

A futura sede do Poder Executivo abrigará todas as secretarias e órgãos municipais de atendimento ao público que atualmente ocupam imóveis alugados, de acordo com a Secretaria de Planejamento Urbano e Gestão Estratégica. Um dos objetivos da ação é reduzir custos fixos da Prefeitura com a infraestrutura necessária ao seu funcionamento.

Como o prédio será construído com estruturas pré-fabricadas, a Secretaria de Planejamento Urbano e Gestão Estratégica prevê maior confiabilidade no cumprimento do cronograma. “Com essa estratégia, pretendemos reduzir e eliminar custos indiretos, desperdício de material e ociosidade de pessoal. Em resumo, a obra fica mais rápida e sem surpresas no orçamento final”, esclarece o secretário da Pasta, Carlos Roberto Prataviera Júnior.

O imóvel terá aproximadamente 10 mil metros quadrados de área construída e, no espaço remanescente, haverá jardins e estacionamento. O projeto prevê ainda que o prédio tenha cisternas para armazenamento de águas da chuva, que serão utilizadas tanto na manutenção dos jardins quanto na limpeza do próprio Paço.

Leia mais ...